Durante a conferência no Google I/O 2016, uma das primeiras novidades foi a "evolução" do Google Now. O Google Assistant é mais orgânico e natural, conversa mais com o usuário e traz respostas bem mais completas e precisas.

Mas a Google está disposta também em investir em outro lado do serviço: a humanidade. De acordo com o site Fast Company, a empresa tem trabalhado para fazer com a inteligência artificial seja mais sociável, converse sobre assuntos mundanos, dê opiniões e até conte piadas.

O chefe do setor dos doodles da Google, Ryan Germick, é o responsável pela área junto com a artista Emma Coats, que já trabalhou até na Pixar. Essas mentes mais criativas devem inserir pitadas de humor e até uma história de fundo para o "personagem" Google Assistant.

Seu novo melhor amigo

"Por estar lá fora e as pessoas poderem falar qualquer coisa para ele, temos que criar o personagem mais redondo que já tentamos fazer. Uma das coisas em que trabalhamos é deixar ele melhor em relacionamentos. Como ele pensa de si mesmo em termos de socialização? Como foi a infância dele?", explica Coats.

Elementos de surpresa e até vulnerabilidade serão incorporados para que você sinta que não conversa com algo totalmente robótico — tudo calculado, claro, já que no fundo ele sempre deve ter uma resposta ou ação na manga.

Cupons de desconto TecMundo: