(Fonte da imagem: Reprodução/USPTO)

A Google conseguiu mais uma patente que pode ser útil nos sistemas aplicados a óculos de realidade aumentada no futuro. Trata-se de um sensor que consegue identificar exatamente o que está sendo observado pelos usuários. Com isso, poderia ser realizada uma rápida triangulação para que os aparelhos soubessem exatamente o que mais chama a atenção dos consumidores.

Para isso, é necessário um sensor de movimento ocular — que também pode rastrear a dilatação das pupilas em diferentes momentos — e uma câmera, que irá também realizar a identificação dos objetos. Com isso, o sistema poderia enviar informações de utilização diretamente para servidores remotos, criando um modo de interpretação semântica da utilização dos aparelhos.

Não há qualquer informação sobre a utilização do sistema em um futuro próximo. Há especulações de que em alguns anos isso poderá ser aplicado no Google Glass para que a fabricante consiga identificar diferentes pontos de interesse dos consumidores para fazer com que os anúncios mostrados sejam ainda mais relevantes do que são atualmente. 

Cupons de desconto TecMundo: