Em setembro de 2008, a Google anunciou seu sistema operacional voltado para smartphones. Desde então, a empresa tem se esforçado em melhorar o Android ainda mais, lançando novas versões com mudanças significativas.

O Android 2.2, mantendo o padrão de nomenclatura do SO, tem o nome de um doce americano: Froyo. Esta é a abreviação de Frozen Yogurt, uma sobremesa gelada de iogurte que tem se tornado popular também no Brasil.

A nova versão do Android tem enfoque no desempenho e na velocidade. Ele também promete deixar a vida dos desenvolvedores de aplicativos ainda mais fácil. Vamos conferir o que há de novo no Froyo!
Cada vez mais veloz!
Android Froyo - Reprodução: GoogleAnunciado no evento anual do Google para desenvolvedores, o Android 2.2 Froyo tem cinco características principais: velocidade, maior interatividade, navegador mais rápido, novos serviços e aplicativos e melhorias no Android Market.

Mas é a velocidade que impressiona. A Google anunciou o Froyo como sendo uma versão 2 a 5 vezes mais rápida do que a 2.1. Testes com a utilização do Nexus One mostraram que o aparelho com a versão 2.2 pode ser até 450% mais rápido.

O novo navegador também não fica atrás, apresentando uma velocidade até três vezes maior do que aparelhos com a versão Eclair. Essa é uma das características que deixou usuários mais ansiosos pelo novo sistema operacional, mas não para por aí.
Tethering oficial
Para a alegria de muitos donos de Androids, a sétima versão da plataforma permitirá o compartilhamento da conexão de internet com o computador criando hotspots, para que a conexão 3G também seja compartilhada.

Reprodução: Google

Desenvolvedores, aplicativos e o Android Market
Segundo a próprio Google, a versão 2.2 está mais “amigável” com as empresas e desenvolvedores de aplicativos. Agora, bugs são enviados diretamente ao desenvolvedor, para que a correção de erros em aplicativos seja ainda mais rápida.

Outro ponto positivo é que agora é possível armazenar aplicativos diretamente no cartão de memória. Isso possibilita que você tenha muitos aplicativos a mais em seu aparelho, pois não fica limitado apenas à memória interna.

Os desenvolvedores agora podem criar aplicativos que controlam melhor a segurança do aparelho, com senhas e bloqueio de tela. O suporte para o Microsoft Exchange também aumentou, possibilitando sincronia de contas e calendário. Além disso, Twitter e Facebook devem ter seus aplicativos oficiais já previamente instalados e há um novo motor JavaScript.

Reprodução: GoogleO Android Market agora pode atualizar automaticamente seus aplicativos. É possível programar o aparelho para fazer atualizações ou gerar o update de todos os aplicativos ao mesmo tempo, com apenas um clique.

Os desenvolvedores – ou os usuários mais curiosos – já podem baixar o emulador do Android 2.2, em versões para Windows, Mac OS e Linux.

Android ♥ Adobe

Enquanto Apple e Adobe brigam publicamente pelo suporte Flash para iPhone OS, o Android se mostra cada vez mais amigável. A versão 2.2 do aplicativo tem compatibilidade total com Flash 10.1, propiciada pelo alto desempenho do aparelho.
E o que mais podemos esperar?

O Froyo não traz nenhuma função revolucionária, mas tem várias pequenas atualizações que vão agradar aos usuários. Agora é possível selecionar textos no navegador, para copiar e inserir em outro aplicativo. O Gmail também ganhou melhorias, que aumentam sua funcionalidade. E, por fim, a câmera digital integrada ao aparelho tem um novo menu, com fácil acesso para as principais funções.
Quais celulares vão receber o Froyo?
Nexus One - Reprodução: GoogleComo sempre, esta é uma questão muito relativa. AGoogle anunciou que os seguintes aparelhos vão receber a nova versão do Android: Motorola Droid – Milestone, no Brasil -, Google Nexus One, HTC Droid Incredible, HTC Desire, HTC Evo 4G e myTouch Slide.

No entanto, a atualização não depende só dos desenvolvedores da Google. As fabricantes dos aparelhos têm que estar em sintonia com as operadoras para que isso aconteça. O Android 2.1 não demorou para chegar, com o Milestone. Mas ainda assim temos aparelhos recém-lançados no Brasil com a versão 1.5 do Android.

A única certeza é que o primeiro aparelho a receber a atualização é o Nexus One - uma atualização vazou na internet, para aparelhos desbloqueados. Mas a Google já anunciou a oficial. Talvez seja melhor esperar mais alguns dias para fazê-la de maneira muito mais segura.
Gingerbread
Mal lançou a versão 2.2, a Google já divulgou que trabalha em uma nova atualização, que deverá sair no final de 2010.

Seguindo a tradição dos nomes de doces – em ordem alfabética – o próximo Android deverá se chamar Gingerbread – biscoito de gengibre e mel. Por ora, sabemos que esta versão vai oferecer suporte para WebM, um formato de vídeo aberto anunciado pelo Google.

Cupons de desconto TecMundo: