Para presidente da Samsung, S5 não fez mais que a obrigação. (Fonte da imagem: Montagem/Baixaki)

Festa no quartel general da Samsung. De acordo com informações da ZDNet coreana, as vendas do Galaxy S5 no primeiro dia de comercialização do smartphone foram superiores as do Galaxy S4. Em alguns países, o resultado obtido foi o dobro do alcançado pelo modelo anterior.

No geral, as vendas do dispositivo foram de 30% a 100% superiores às do Galaxy S4. O lançamento simultâneo teve um peso importante para esses resultados: o Galaxy S5 começou a ser comercializado na última sexta-feira (11), em 125 países, incluindo o Brasil, e deverá chegar a mais 25 países em breve.

Estoques em baixa?

Mas o que é uma ótima notícia para a empresa também é motivo de preocupação. De acordo com a publicação, a Samsung parece estar preocupada com a quantidade de aparelhos que foram disponibilizadas no mercado e se ela seria suficiente ou não.

Com base nas vendas dos aparelhos anteriores, o Galaxy S5 pode se tornar um grande sucesso comercial. O Galaxy S4 chegou a vender 10 milhões  de unidades em menos de um mês, enquanto o Galaxy S3 levou 50 dias para atingir o mesmo total de vendas.

Já o Galaxy S2 levou 5 meses para bater esse resultado, enquanto o Galaxy S demorou longos 7 meses para vender as 10 milhões de unidades. E assim como acontece no lançamento de qualquer iPhone, longas filas de clientes foram formadas na portas de diversas lojas da Samsung que esperavam para comprar o Galaxy S5. 

Cupons de desconto TecMundo: