Originalmente, a Mozilla criou o Firefox OS como uma plataforma voltada para aparelhos menos robustos, que possuam como alvo o mercado de entrada de celulares. Os planos da empresa parecem não ter mudado muito, mas estão evoluindo e buscando expandir o portfólio da marca.

Hoje, durante a MWC 2015, a companhia anunciou uma série de parcerias com operadoras de telefonia, incluindo Verizon, Telefónica, KDDI, U+ e Orange, visando levar o Firefox OS para mais 13 países da África e do Oriente Médio, e assim disponibilizá-lo em mais de 40 regiões.

Além disso, a fundação pretende adotar o sistema operacional móvel da raposa também em dispositivos com o formato de flip ou slide. O comunicado oficial informa que, dentro dos próximos 12 meses, o portfólio da marca contará com 17 modelos usando exclusivamente o Firefox OS.

De acordo com a própria desenvolvedora, a plataforma receberá modificações e ficará com uma aparência um pouco diferente para promover uma melhor experiência de uso nesses tipos de equipamentos. A Mozilla também reforçou a continuidade da aliança com a Panasonic no desenvolvimento de TVs Ultra HD 4K, conforme anunciado em janeiro na CES 2015.

“Dois anos atrás, o Firefox OS era uma promessa. Na MWC 2014, fomos capazes de mostrar que o sistema poderia participar de vários mercados. Hoje, na MWC 2015, nós celebramos dezenas de aparelhos bem-sucedidos lançados em diversos continentes, a adoção do Firefox OS além dos mobiles, bem como o crescimento do interesse e da inovação em torno de uma plataforma verdadeiramente aberta”, comentou Li Gong, presidente da Mozilla.

Cupons de desconto TecMundo: