Os aplicativos de paquera estão cada vez mais disseminados entre usuários de praticamente todas as idades. Existem opções para todos os gostos: casados que querem pular a cerca, aqueles que não buscam compromisso, aqueles que querem uma “amizade colorida”, aqueles que querem um relacionamento sério... O que muitos não sabem é que o Facebook pode estar vigiando todas essas atividades.

Diversos usuários estão se mostrando preocupados com sugestões de amizade da rede social de Mark Zuckerberg. Isso porque várias delas teriam vindo a partir de paqueras iniciadas em aplicativos como Tinder e Grindr. Algumas pessoas ouvidas pelo BBC disseram que isso é “assustador”.

“Há pessoas cujo nome aparece apenas como ‘procurando’ e de repente você as vê no Facebook”, contou Dale, de 26 anos, ao referido veículo.

O usuário explicou que seu perfil no Grindr não está linkado com a conta do Facebook, mas que, mesmo assim, pessoas com quem ele conversou aparecem nas sugestões de amizade.

“Dá para controlar a privacidade no Grindr, você não coloca todas as suas informações lá, como faria no Facebook. Não se sabe quem são essas pessoas. Tive experiências ruins com pessoas do Grindr no passado – não quero que elas me encontrem pelo sobrenome, saibam de onde sou... É meio desconfortável, de verdade”, afirmou.

Mulher até troca de número

A internauta Alina manifestou sua insatisfação no Twitter. Ela disse que deu seu número de telefone a alguém que conheceu no Tinder e até foi a um encontro. Um ano depois – e com um novo número –, ela disse que viu o rosto da pessoa nas sugestões de pessoas que ela pode conhecer no LinkedIn.

“Eu já estranho muito a internet como ela está atualmente... Mas esse caso em particular me deixou bastante assustada”, contou.

De acordo com o especialista em segurança de dados Daniel Cuthbert, que atua no SensePost (empresa de pesquisa de segurança), o Facebook “mergulha em muitos algoritmos” e verifica listas de contatos do usuário, telefones e contas em outras redes sociais, fazendo uma relação cruzada de todas as informações e sugerindo pessoas com base nisso.

O que você acha do Facebook espionar diariamente tudo de nossas vidas? Comente no Fórum do TecMundo.

Cupons de desconto TecMundo: