A SpaceX, do visionário Elon Musk, revelou que conseguiu testar com sucesso seu novo foguete, o Raptor. A companhia espera utilizar esse foguete para uma missão tripulada a Marte em 2024 e também realizar uma missão não tripulada ao Planeta vermelho já em 2018. O teste foi feito em uma instalação que simula as condições atmosféricas de Marte, o que é essencial para o projeto.

Isso aconteceu em uma cidade norte-americana no estado do Texas, e Musk publicou vários tweets a respeito do evento, inclusive com fotos e algumas especificações técnicas que seus seguidores questionaram. O foguete Raptor deve ser o mais poderoso da atualidade, tendo a capacidade de carregar 100 toneladas de carga ao espaço, três vezes mais que os atuais Falcon da empresa. O combustível utilizado seria o metano.

Vale destacar ainda que Musk deve participar de uma conferência internacional sobre exploração espacial no México amanhã (26/09). Espera-se que ele revele detalhes e o design do Interplanetary Transport System (ITS) ou Sistema de Transporte Interplanetário, a espaçonave que deve levar humanos a Marte pela primeira vez. Com os resultados do foguete Raptor, é possível também que ele tente convencer governos e a comunidade científica a ajudar a pagar pela expedição ao Planeta Vermelho.

Ainda assim, como a SpaceX é uma empresa privada, pouco se sabe sobre a tecnologia utilizada nesses foguetes ou quantos deles serão usados para o ITS. De qualquer forma, a ideia de Musk é tornar a humanidade uma espécie interplanetária, basicamente criando uma colônia eventualmente em Marte.

Cupons de desconto TecMundo: