Sabemos também das correrias: muitos chegam às lojas bem cedo pela manhã para aproveitar. No caso das lojas online, logo no primeiro minuto da sexta-feira as promoções já começam, o que gera um fluxo absurdo de acesso aos sites, congestionando a navegação. Ou seja, existe o caos digital também.

Constatamos, todos os anos, como é estar do lado dos compradores da Black Friday, mas você sabe como é estar do outro lado? O site KaBuM! resolveu montar um encontro para mostrar os bastidores do evento no Brasil, e o TecMundo esteve presente na ocasião para acompanhar essa loucura.

#PartiuBlackFriday

Saímos às 17h de São Paulo, capital, em direção a Limeira, interior do estado, sede do KaBuM!, para desvendarmos os mistérios que rondam esse icônico dia. A viagem durou quase duas horas. Ao chegarmos à cidade, que conta com pouco mais de 290 mil habitantes, fomos diretamente para o local onde seria o evento: Hotel Zahara.

Entramos no hotel às 19h40, onde recebemos o kit KaBuM! com camisa, caneta, chaveiro e algumas informações sobre o site. O evento começou às 22h, mas antes disso já encontramos o pessoal da empresa fazendo as arrumações iniciais.

Preparação para a Virada Black Friday

Em poucas palavras: uma loucura. O pessoal da KaBuM! corria como podia para deixar tudo perfeito para o início da Black Friday meia-noite. Fabiano Gomes, do marketing do site, nos apresentou o coração da operação.

Esse era o principal ponto de todo o evento. Era dessa ilha que saíam as próximas ofertas; o pessoal da arte montava os banners para o site, o marketing fazia posts no Facebook, a galera da edição montava os vídeos que iriam para o ar, e detalhe: eles estavam sendo gravados ali mesmo! Enfim, tudo relacionado ao KaBuM! saía dali.

Enquanto isso, o DJ animava a festa, que contava com a presença de representantes de grandes empresas de eletrônicos e informática, como AMD, Intel, Asus, Epson, Kaspersky, entre outras, todos de olho nas telas que mostravam o número de acessos ativos no site.

Além disso, outros monitores mostravam, em tempo real, a movimentação nos centros de distribuição da KaBum!. Pessoas se preparavam para começar a separar os produtos, embalar e enviar, tudo com aquele sentimento frenético das Black Fridays americanas. 

Às 21h27, as telas mostravam 7.698 usuários ativos no site, e nesse momento faltavam 2h23 para a meia-noite, horário em que as ofertas começariam a aparecer. Tudo isso em um ambiente que podemos classificar como uma fusão de balada com bolsa de valores, com números e análises em telas, pessoas falando ao telefone sobre dinheiro, uma música que nunca parava e todos se divertindo.

3, 2, 1... Feliz Black Friday!

Já bem próximos do fim da quinta-feira, todos começaram a se juntar em frente às telas para a contagem regressiva que marcou o início das ofertas e da sexta-feira. Nessa hora, os números marcavam mais de 42 mil usuários ativos no site.

Depois da contagem, os monitores começaram a mostrar diferentes informações: no primeiro, o valor, em reais, dos descontos dados nos produtos; no segundo, quantas unidades foram vendidas; no terceiro, qual seria a próxima oferta a ir para o site; no quarto, a oferta ativa; no quinto, o top 10 de vendas da KaBum!; e o último monitor mostrava os usuários online. Essas informações eram passadas em tempo real.

Nem tudo é festa

Como é comum quando muitas pessoas acessam o mesmo domínio ao mesmo tempo, muitos usuários tiveram dificuldades para se conectar, e o site caiu por alguns momentos. Obviamente que isso gerou um incômodo durante o evento, e o pessoal responsável corria para fazer o possível para trazer a página de volta ao ar. 

Os problemas foram superados já de madrugada, por volta de duas e meia da manhã. Desse momento em diante, o site voltou a ter um bom número de acessos e se manteve estável.

A Black Friday para o KaBum!

O CEO da empresa, Leandro Ramos, nos explicou que, para trazer esse espírito da Black Friday ao Brasil, o site faz um evento transparente. “Se o produto tem 50% de desconto, colocamos no site os 50%; se tem apenas cinco, então serão só cinco. Não iludimos: aquela história da metade do dobro aqui não existe”, informou.

Ainda segundo Ramos, a preparação para esse evento começou logo após o término da Black Friday de 2013. “Entramos em contato com os fabricantes para contar como foram as vendas. Quando falamos que o produto deles vendeu 150 unidades em 10 segundos, eles se interessam em fazer algo maior no ano seguinte”, contou.

Os números

No ano passado, o site da KaBum! foi visitado por mais de 4 milhões de pessoas, e é esperado que as vendas cresçam 100% neste ano. Para isso, há 700 mil itens em promoção, e a expectativa até o fim da Black Friday é que sejam aplicados mais de R$ 10 milhões em descontos.  

Para termos uma noção do quanto a KaBum! vendeu durante o evento, o total de descontos aplicados passou de R$ 1,2 milhão. O produto com a maior relação vendas/segundo, do período de 00h até as 3h, foi a Placa Mãe MSI: foi vendida 1.02 delas a cada segundo.

Cupons de desconto TecMundo: