(Fonte da imagem: Reprodução/Veja)

Em uma recente entrevista cedida à emissora de rádio NPR, Eric Schmidt (ex-presidente executivo da Google) declarou que considerava o slogan da gigante de Mountain View "a frase mais estúpida de todos os tempos" na época em que foi contratado.

De acordo com o executivo, o lema da empresa ("Não seja mal", ou "Don`t be evil" no original) foi criado pelos fundadores Sergey Brin e Larry Page, que procuravam uma maneira de fazer com que seus funcionários sempre respeitassem os princípios éticos e morais da companhia.

"O problema é que não há nenhum livro explicando o quê é `ser mal`; com exceção de, talvez, a Bíblia, ou algo parecido com isto", afirma o informático. "O que acontece é que estamos aqui, sentados, tendo este debate sobre a publicidade de um produto. Então um engenheiro bate seu punho na mesa e diz que isto é mal. Toda a conversa para imediatamente. É assim que funciona", conclui.

Schmidt também comentou sobre sua capacidade de ler mensagens particulares de qualquer usuário do Gmail, mas também afirmou que, caso isso acontecesse, o mais provável é que ele "seria descoberto, perderia seu emprego e seria processado até a morte". Ao ser questionado sobre o quanto a Google sabe sobre os utilizadores de seus serviços, o executivo é categórico: "o quanto vocês nos deixam saber".

Cupons de desconto TecMundo: