Se você gosta de artigos esportivos, provavelmente já ouviu falar da gigante Asics, que é muito famosa quando o assunto são vestimentas para atividades físicas. Aparentemente, a companhia quer se aproximar ainda mais do consumidor, mas de outra maneira: através dos aplicativos fitness, como o RunKeeper, que foi recentemente comprado pela companhia.

O modelo não é novidade, já que grandes marcas, como a Adidas, que comprou a Runtastic por US$ 239 milhões (R$ 950 milhões), e a Under Armour, que adquiriu o MyFitnessPal por US$ 560 milhões (R$ 2,3 bilhões), já adotaram essa estratégia antes.

A ideia é fundir duas ideologias diferentes, pois a Asics é uma companhia de 1949, e uma das maneiras mais fáceis de entrar na era digital é adquirir empresas que já “respirem” esses novos ares. Na prática, o usuário não deve sentir mudanças depois da fusão, mas a esperança é que o serviço se torne ainda melhor.

Você acha que marcas de roupas comprarem aplicativos fitness é uma tendência para o futuro? Comente no Fórum do TecMundo

Coincidentemente, a maioria dos usuários do RunKeeper utiliza produtos da Asics, algo que tende a facilitar a propaganda e a promoção das duas marcas em conjunto. Será que mais empresas do ramo vão seguir essa tendência no futuro?

Cupons de desconto TecMundo: