(Fonte da imagem: New Yorker)

O vice-presidente da Xiaomi e ex-responsável pela divisão do Android na Google, Hugo Barra, pretende trazer a fabricante de smartphones da China para o Brasil. A estratégia de mercado da companhia no país asiático é oferecer dispositivos potentes, com design atraente e por um preço bastante acessível. Será que esse modelo seria aplicado aqui?

O executivo compartilhou o seu encontro com representantes do governo brasileiro para demonstrar que as conversas já estão encaminhadas para que a empresa chinesa possa expandir o seu mercado consumidor.   

Barra escreveu para mais de 40 mil usuários do Google+: “Conversa muito boa hoje à noite com os simpaticíssimos Professor Anastasia (governador de Minas Gerais) e embaixador Valdemar Carneiro Leão na residência oficial da Embaixada do Brasil em Beijing, com direito a pão de queijo e guaraná. Começamos a falar em levar a Xiaomi à América Latina começando pelo Brasil. Obrigado a ambos pelo apoio!”

Em setembro, durante a IFA 2013, a empresa anunciou o poderoso smartphone Mi3, que vendeu mais de 100 mil unidades em menos de 90 segundos no lançamento oficial. O modelo atual oferecido pela Xiaomi possui Tela LCD IPS de 5” (Full HD), processador Tegra 4 de 1,8 GHz ou Snapdragon 800 (depende da operadora), câmera digital de 13 MP e frontal de 2 MP, memória RAM de 2 GB, 16 GB de armazenamento interno e bateria de 3.050 mAh.

Será que o brasileiro que foi responsável pelo Android por muitos anos vai conseguir conquistar o público tupiniquim com os produtos que ganharam destaque no mercado oriental?  Estamos torcendo para ver a Xiaomi por aqui! 

Cupons de desconto TecMundo: