Pesquisadores da Harvard School of Engineering and Applied Sciences criaram pequenas moscas robôs, capazes de agir independentemente ou se comportar como uma colônia. As máquinas, menores do que uma moeda e com apenas 2 milímetros de altura, são capazes de voar e tiveram design inspirado em origamis.

A grande ideia por trás destes insetos artificiais, na verdade, é experimentar novas formas de fabricar microcomponentes em massa. Com cortes a laser e muita fibra de carbono e titânio, além de outros materiais, os cientistas de Harvard conseguiram transformar processos artesanais em possibilidades de fabricação em massa.

Segundo os cientistas, isso exclui a possibilidade de erros humanos e permite que todas as peças sejam idênticas entre si, algo que não é possível quando um indivíduo é responsável pela produção de cada unidade. A ideia é facilitar a produção de pequenos componentes eletrônicos.

Cupons de desconto TecMundo: