Entre os diversos métodos de reciclagem que existem atualmente, um dos mais interessantes é o da "mineração urbana", que consiste em extrair ouro através de equipamentos eletrônicos que foram descartados.

Segundo Janez Potocnik, membro da Comissão Europeia voltada ao Meio Ambiente: "Há ouro no lixo; literalmente. É necessário uma tonelada de minério para se obter 1 grama de ouro. Mas é possível conseguir esta mesma quantidade através da reciclagem de materiais presentes em 41 telefones celulares".

Entretanto, é difícil mensurar exatamente a quantidade de ouro e diversos outros metais que estão presentes no aparelho. Além disso, é ainda mais complicado prever quantos deles podem ser realmente aproveitados, levando em consideração que tais materiais variam de acordo com o modelo e o tipo de aparelho portátil.

Principais limitações

Especialistas afirmam que este tipo de método realmente pode ser utilizado, mas que a implementação definitiva dele precisa vir desde o projeto dos aparelhos eletrônicos, permitindo prever com maior facilidade todos os materiais que podem ser extraídos.

Fazer com que a "mineração urbana" substitua a tradicional é algo extremamente difícil. Dave Holwell (especialista em economia mineira da Universidade de Leicester) acredita que não há como fazer um comparativo entre estes dois métodos.

"A mineração tradicional produz aproximadamente 2,7 mil toneladas de ouro. Conseguir a mesma produção a partir de celulares e outros aparelhos eletrônicos exigiria a demanda absurda de 300 milhões deles. Caso isso fosse feito, todos os sete bilhões de celulares ativos no mundo seriam esgotados em apenas 23 dias".

O preço da reciclagem

Portanto, não é possível dizer que este tipo de método venha a ser adotado por empresas grandes. A "reciclagem urbana" é praticada atualmente apenas em países em que a mão de obra é mais barata e conduzida por pequenas companhias, o que ocasiona problemas ambientais e enormes riscos à saúde das pessoas que trabalham neste setor.

Uma situação mais urgente que precisa ser discutida certamente não é forma mais prática de se obter ouro, mas sim como encontrar novas formas de facilitar a reciclagem de todo o "lixo eletrônico", que cresce cada vez mais com o avanço da tecnologia.

Cupons de desconto TecMundo: