Queda de raio mata 16 pessoas que tiravam selfie na Índia

1 min de leitura
Imagem de: Queda de raio mata 16 pessoas que tiravam selfie na Índia
Imagem: Unsplash/Reprodução
Avatar do autor

Pelo menos 16 pessoas que estavam tirando selfies no Forte de Amber, um famoso ponto turístico próximo à cidade de Jaipur, na Índia, morreram após a queda de um raio no local. O incidente, ocorrido nesse domingo (11), deixou ainda 11 feridos.

As vítimas estavam no topo de uma torre de vigia localizada na fortaleza histórica, que fica em uma colina, registrando fotos no momento da queda do relâmpago. A maioria dos visitantes era jovem, segundo relatos das autoridades locais.

De acordo com o oficial de gerenciamento de desastres em Jaipur Shankar Lal Saini, a parede da torre desabou ao ser atingida pelo raio, deixando muitas pessoas soterradas. Em entrevista à CNN, ele contou ainda que parte das vítimas caiu em uma vala ao serem atingidas.

Forte de Amber, onde o raio caiu.Forte de Amber, onde o raio caiu.Fonte:  Wikimedia Commons 

As mortes no Forte de Amber não foram as únicas causadas por raios no país no final de semana. Também no domingo, outras nove pessoas morreram no estado de Rajasthan, além de ter havido vítimas nas regiões de Uttar Pradesh e Madhya Pradesh.

Mortes por raios na Índia

Dados oficiais do governo indiano mostram que há duas mil mortes por raio no país, em média, a cada ano. Os incidentes ocorrem principalmente na temporada de monções, de junho a setembro, quando são registradas fortes chuvas.

As autoridades afirmam que os acidentes com relâmpagos são frequentes em áreas nas quais as pessoas ficam mais expostas, com cobertura de árvores ralas. Nos estados citados, há muitos trabalhadores ao ar livre, na construção civil e na agricultura, aumentando a probabilidade de serem atingidos durante as tempestades.

Procurar abrigo no interior de um prédio ou carro é uma boa forma de se proteger, evitando espaços amplos e abertos. Caso não tenha lugar para se esconder, é recomendável se agachar com os pés juntos, as mãos nos joelhos e a cabeça para baixo, tornando-se o menor alvo possível.

Queda de raio mata 16 pessoas que tiravam selfie na Índia