OnePlus atualizará Android por 3 anos em celulares top de linha

1 min de leitura
Imagem de: OnePlus atualizará Android por 3 anos em celulares top de linha
Imagem: Android Authority/Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Como parte da integração com a Oppo, a OnePlus anunciou a fusão dos sistemas operacionais OxygenOS e ColorOS. Com a mudança, os dispositivos mais potentes da marca chinesa receberão atualizações do Android por pelo menos três anos.

As informações foram reveladas em uma publicação no fórum da fabricante nesta sexta-feira (2). Na nota, a companhia se comprometeu a oferecer amplo suporte a todo o seu portfólio.

Modelos topo de linha a partir do OnePlus 8 receberão três anos de atualizações do Android.Modelos topo de linha a partir do OnePlus 8 receberão três anos de atualizações do Android.Fonte:  TechAdvisor/Reprodução 

Para não deixar dúvidas para os consumidores, a fabricante apresentou um forte cronograma de atualização dos modelos Android. Confira as informações de cada linha:

  • Modelos flagship: a série OnePlus 8, OnePlus 9 e todos os dispositivos mais recentes receberão 3 atualizações principais e 4 anos de updates de segurança;
  • Série Nord/Nord CE: o OnePlus Nord e modelos Nord CE mais recentes receberão duas atualizações principais e 3 anos de updates de segurança;
  • Série Nord N: a partir do N10 e N100, todos os dispositivos receberão uma atualização principal e 3 anos de updates de segurança.

Lembrando que o cronograma é válido apenas para os dispositivos mais recentes da marca. Por exemplo, a linha OnePlus 7, lançada em 2019, ainda terá a última grande atualização disponibilizada em 2021.

OxygenOS deve se manter como o SO das versões globais dos celulares OnePlus.OxygenOS deve se manter como o SO das versões globais dos celulares OnePlus.Fonte:  NoxInfluencer/Reprodução 

Fusão do OxygenOS e ColorOS

No mesmo comunicado, a OnePlus revelou que está trabalhando na integração do código base do OxygenOS e ColorOS. Por ser um “processo de bastidores” com a Oppo, a fabricante disse que os usuários não vão notar as mudanças.

“Agora temos uma equipe maior e mais capacitada de desenvolvedores, mais recursos avançados de P&D e um processo de desenvolvimento simplificado para continuar aprimorando a experiência do OxygenOS”, destaca a nota.

Por fim, a marca reiterou que a modificação do Android continuará sendo o software das versões globais dos seus dispositivos. Enquanto isso, o ColorOS deve se manter como o sistema exclusivo dos aparelhos lançados na China.

OnePlus atualizará Android por 3 anos em celulares top de linha