Xiaomi Mi 11 terá versões com ou sem carregadores pelo mesmo preço

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi Mi 11 terá versões com ou sem carregadores pelo mesmo preço
Imagem: Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Diversas fabricantes de smartphones estão seguindo os passos da Apple e retirando componentes das caixas de seus lançamentos, a exemplo da Samsung (ainda sob suspeita) e da Xiaomi (já confirmado). Isso, como era de se esperar, acabou gerando uma verdadeira avalanche de críticas de consumidores – mesmo sob a justificativa de proteção ao meio ambiente. Entretanto, a chinesa decidiu virar o jogo

Hoje, a companhia divulgou uma ação que deve tornar a transição mais suave: aqueles que não tiverem cabos e carregadores sobrando poderão pegá-los separadamente sem custo algum quando adquirirem o Mi 11. Por enquanto, a ausência dos itens em alguns modelos acontecerá apenas na China, declarou a empresa ao Android Authority, e ainda não se sabe como (e se) será aplicada ao restante do mundo.

De qualquer modo, já no lançamento, haverá duas versões disponíveis, uma apenas com o smartphone e outra que inclui um carregador rápido separado de 55W GaN.  Aí, fica a cargo do cliente escolher a sua.

Consumidores poderão escolher se querem ou não um carregador.Consumidores poderão escolher se querem ou não um carregador.Fonte:  Reprodução 

Já está chegando!

A ação, claro, foi vista com bons olhos por muitos. Afinal, suaviza a ideia de que os motivos declarados por grandes companhias não passem de uma estratégia para lucrarem mais com a venda de acessórios que, antes, faziam parte de qualquer opção disponível no mercado.

Disponível em três versões, cinco cores e custando a partir de 3.999 yuan (R$ 3.208 em conversão direta), o Xiaomi Mi 11, que contará com o sistema operacional MIUI 12.5, já está em pré-venda no país asiático e chegará oficialmente por lá a partir de 1º de janeiro. E aí, o que você achou da iniciativa da companhia?

Xiaomi Mi 11 terá versões com ou sem carregadores pelo mesmo preço