iPhone 12: análise interna mostra detalhes do Magsafe e bateria

1 min de leitura
Imagem de: iPhone 12: análise interna mostra detalhes do Magsafe e bateria
Imagem: Apple Insider
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Nesta segunda-feira (2), o canal de tecnologiaJerryRigEverything, conhecido por "dissecar" diversos modelos de celulares e analisar seus interiores, publicou um vídeo mostrando em detalhes os componentes internos do iPhone 12 Pro.

Nele, é possível observar como a Apple desenvolveu a nova versão do Magsafe, a capacidade da bateria e a dificuldade em acessar determinadas partes do dispositivo — o que complica e encarece seu reparo.

O Magsafe, tecnologia proprietária da Apple, é uma solução desenvolvida para conectar carregadores sem fio e outros acessórios magneticamente na parte traseira da nova versão do iPhone. Anteriormente, essa funcionalidade era exclusiva de alguns seletos modelos de Macbook, com seu uso restrito apenas à conexão do carregador.

Em sua nova versão para celulares, o Magsafe conta com um conjunto de 18 ímãs, que alinham perfeitamente os acessórios e abrigam os diversos componentes que formam a película de carregamento sem fio do iPhone 12, como é mostrado no vídeo. Nesse mesmo sentido, também é possível notar a dificuldade em acessar o componente — o iPhone 12 possui um interior complexo, repleto de conexões, com cabos sobrepostos e interligados.

Película de carregamento sem fio e Magsafe, no iPhone 12 Pro. (Fonte: JerryRigEverything via Youtube / Reprodução)Película de carregamento sem fio e Magsafe, no iPhone 12 Pro. (Fonte: JerryRigEverything via Youtube / Reprodução)Fonte:  JerryRigEverything via Youtube 

Ao fim, para atingir a camada da película de carregamento sem fio, foi necessário desconectar diversos componentes, remover a placa lógica e a bateria — que agora possui a capacidade total de 2.815mAh, menor do que a encontrada no iPhone 11 Pro, do último ano, com 3.046mAh de autonomia.

No vídeo, é ressaltado o aspecto delicado da tentativa de abertura do aparelho, mostrando inclusive o profissional danificando permanentemente a tela por um pequeno descuido. A montagem do novo iPhone 12 sugere que a Apple tomou medidas especiais para dificultar o conserto terceirizado do aparelho, com peças e componentes difíceis de acessar e repor.

iPhone 12: análise interna mostra detalhes do Magsafe e bateria