Google descontinua Pixel 4 e 4 XL depois de apenas um ano

1 min de leitura
Imagem de: Google descontinua Pixel 4 e 4 XL depois de apenas um ano
Imagem: Google
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A Google decidiu descontinuar oficialmente os modelos top de linha Pixel 4 e Pixel 4 XL. Isso significa que ambos os modelos tiveram a fabricação encerrada e não vão mais aparecer no catálogo da loja online da empresa.

Por isso, consumidores que ainda quiserem um dos modelos terão que adquirir o aparelho por uma loja terceirizada até durarem os estoques.

Como parte da política da própria Google, a dupla terá atualizações de software e pacotes de segurança garantidos por ao menos mais dois anos — o fim da linha do Pixel 2 nesse sentido, por exemplo, será apenas agora em 2020 com o Android 11.

O tempo passa

A medida não é exatamente bombástica, já que a Google deve lançar em breve o Pixel 5, que teve a existência confirmada durante a revelação do Pixel 4a. Aliás, até que a quinta geração do smartphone seja oficializada, a empresa ficará sem modelos top de linha à venda.

É notável também o curto tempo de vida da geração Pixel 4: apenas dez meses depois do anúncio, eles já foram retirados de catálogo. Nos modelos anteriores, cerca de 18 meses era o tempo até que o mesmo acontecesse. 

Segundo um porta-voz da Google, que enviou um comunicado ao site The Verge, o fim do estoque inicial planejado é o principal motivo para a descontinuação.

Imagem: Smatphone Google Pixel 4, 64GB
Imagem: Tecmundo Recomenda

Smatphone Google Pixel 4, 64GB

Com interface de Android 10.0 puro, o Pixel 4 é smartphone mais recente da Google. Possui tela de 5,7 polegadas em Full HD+, 6 GB de RAM para alto desempenho e câmera dupla que tiram ótimas fotos.

Google descontinua Pixel 4 e 4 XL depois de apenas um ano