Xiaomi Redmi Note 9 terá 4 câmeras e bateria de 4.920 mAh

1 min de leitura
Imagem de: Xiaomi Redmi Note 9 terá 4 câmeras e bateria de 4.920 mAh
Imagem: TENAA/Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

A linha Redmi Note 9, lançada recentemente pela Xiaomi, terá mais um integrante, cujas especificações foram reveladas nesta sexta-feira (17) pela agência certificadora chinesa TENAA. Estamos falando da versão padrão do Xiaomi Redmi Note 9, que se juntará aos já apresentados Note 9 Pro e Note 9S.

O Xiaomi Redmi Note 9, que aparece na listagem do órgão com o codinome M2003J15SC, terá design parecido aos demais modelos da família. Há poucas diferenças, como o leitor de digitais na parte traseira em vez de nas laterais e a câmera de selfie no canto superior esquerdo — nos outros, ela fica na parte central do display.

As informações reveladas pela TENAA mostram que essa versão terá quatro lentes na traseira, com o sensor principal de 48 MP. Não há detalhes sobre as demais lentes que formarão o conjunto, mas a dianteira terá resolução de 13 MP.

A versão padrão tem design semelhante aos outros modelos da linha.A versão padrão tem design semelhante aos outros modelos da linha.Fonte:  TENAA/Reprodução 

Destaque também para a bateria de 4.920 mAh, que deverá garantir uma grande autonomia, e para a tela IPS LCD de 6,3 polegadas, com resolução FHD+ (2340x1080 pixels). O sistema operacional será Android 10, com a interface MIUI 11.

Processador não revelado

Na documentação divulgada pela agência reguladora não aparece o processador que equipará o novo Redmi Note 9. Mas, conforme rumores, deverá ser o MediaTek Helio G80, trabalhando em conjunto com três opções de memória RAM: 3 GB, 4 GB e 6 GB.

Quanto ao armazenamento interno, o novo celular da Xiaomi contará com variantes de 32 GB, 64 GB e 128 GB, além da possibilidade de expansão via cartão micro SD, que pode adicionar até 512 GB para guardar qualquer tipo de arquivo.

Ainda não há informações sobre a data de lançamento e o preço do Xiaomi Redmi Note 9 padrão, mas como a certificação pela TENAA já ocorreu, a chegada do aparelho ao mercado não deve demorar.