Redmi 9 deve chegar no começo de 2020 com chip Helio G70

1 min de leitura
Imagem de: Redmi 9 deve chegar no começo de 2020 com chip Helio G70
Avatar do autor

O sucessor do Redmi 8, lançado em outubro deste ano, pode chegar mais cedo do que o esperado. De acordo com informações obtidas pelo site especializado em vazamentos 91Mobiles, a Xiaomi já está trabalhando no Redmi 9, que teria lançamento previsto para o começo de 2020. As fontes da publicação também apontam que o modelo deve ser um dos primeiros equipados com o Helio G70, suposto processador da MediaTek que ainda não foi anunciado.

Segundo o 91Mobiles, o Helio G70 é um chip que estará posicionado mercadologicamente abaixo da série G90, que é voltada para celulares intermediários. Ou seja, a tendência é que o novo processador apareça em diversos smartphones de baixo custo durante o ano que vem. Como o lançamento do Redmi 9 deve ocorrer no início de 2020, possivelmente o aparelho da Xiaomi será um dos primeiros a trazer a tecnologia ao mercado.

Xiaomi Redmi 8. (Fonte: Android Central/Reprodução)

Além de trazer o Helio G70, o Redmi 9 também deve contar com tela de 6,6'' com notch, 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno. O 91Mobiles aponta que o produto pode contar com variantes mais robustas, o que vai aumentar o preço do aparelho.

Os rumores não indicam a quantidade de bateria do celular, porém, considerando que o Redmi 8 veio com 5.000 mAh e recarga rápida de 18W, podemos esperar configurações parecidas. Detalhes sobre o conjunto de câmeras do smartphone não apareceram até o momento.

De acordo com o 91Mobiles, o Redmi 9 pode ser lançado durante o primeiro trimestre de 2019 na China e posteriormente dará as caras no mercado indiano. Como o celular não é oficial, ainda não existe previsão de chegada do produto ao Brasil. Ainda assim, a tendência é que o smartphone de entrada esteja disponível no país por meio de importação, como sempre acontece com os dispositivos da marca.

Redmi 9 deve chegar no começo de 2020 com chip Helio G70