Galaxy Note 10 comercializado no Brasil usará processador Exynos 9825

1 min de leitura
Imagem de: Galaxy Note 10 comercializado no Brasil usará processador Exynos 9825
Avatar do autor

O gerente sênior de produtos da Samsung, Renato Citrini, em entrevista ao TudoCelular, confirmou que o recém-lançado Galaxy Note 10 chegará ao Brasil em suas duas variantes: normal e Plus; e que os dois aparelhos utilizarão o processador Exynos 9825, o mais poderoso chip móvel feio pela companhia, fabricado sob a litografia de 7 nanômetros.

A parceria entre a Samsung e a Qualcomm continua, mas as versões do smartphone com o processador Snapdragon 855 serão lançadas em pouquíssimos países pelo fato de suas redes móveis terem padrões que não são mais suportados pelo chip da sul-coreana.

(Fonte: CNET/Reprodução)

Note 10 tem melhores câmera e tela

O Galaxy Note 10, lançado oficialmente no dia 7 de agosto, foi considerado o aparelho com as melhores câmeras traseira e frontal do mundo, de acordo com o DxOMark. Já o DisplayMate apontou sua tela como a melhor entre todos os smartphones lançados até o primeiro semestre de 2019. É um feito e tanto, já que muitos especialistas duvidavam que a câmera do Huawei P30 Pro pudesse ser superada ainda neste ano.

Galaxy A80 e Galaxy Fold

Citrini também comentou sobre a expectativa para o Galaxy A80, que já foi lançado no mercado nacional e conta com uma revolucionária câmera tripla e rotatória de 48 MP, cujos sensores são os mesmos usados para tirar selfies. Sobre o Galaxy Fold, Citrini confirmou que deverá ser relançado em setembro, mas não há data para chegar ao Brasil nem estimativa de preço.

Voltando ao Galaxy Note 10, Citrini não confirmou uma data de chegada do aparelho ao mercado nacional nem o preço das duas variantes.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Galaxy Note 10 comercializado no Brasil usará processador Exynos 9825