Google cria pulseira inteligente, mas ela é exclusiva de exposição de arte

1 min de leitura
Imagem de: Google cria pulseira inteligente, mas ela é exclusiva de exposição de arte
Avatar do autor

Embora ainda seja um rumor, existe muita expectativa para a possível entrada do Google no setor de relógios inteligentes. Além de comentários feitos por fontes da indústria, uma patente revelada recentemente mostra um sistema que pode ser usado para prender as pulseiras ao relógio.

Agora, a equipe de hardware do Google responsável pela linha Pixel criou uma pulseira inteligente que tem toda a linguagem visual dos produtos da companhia e é capaz de detectar batimentos cardíacos, velocidade de respiração, temperatura da pele e movimento do corpo. O problema é que essa pulseira só existe em uma exposição de arte em Milão.

Esse dispositivo está em exibição na Salone del Mobile, uma conferência de design e tecnologia que acontece na cidade italiana. O Google contribuiu com alguns dispositivos Home Max e Home Hub para decorar as salas e forneceu as pulseiras inteligentes, que são colocadas em quem visitar o local. Ao final da visita, é possível ver uma representação visual de sua reação ao entrar em cada ambiente.

Por enquanto, a empresa não tem nada oficial para anunciar nessa área, mas é possível que ela tenha algo para apresentar quando chegar a hora do seu próximo evento focado em hardware.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Google cria pulseira inteligente, mas ela é exclusiva de exposição de arte