Apesar de questionamentos de alguns fãs sobre o quanto a Sony está dedicada a manter o setor de smartphones, a fabricante japonesa não pretende sair desse mercado. E quem afirma isso é o próprio CEO da companhia, Kaz Hirai.

Em entrevista ao jornal The Guardian, ele confirmou o comprometimento da empresa com o setor e ainda explicou o motivo de dedicar tanta atenção a ele. "Eu quero ter certeza de que nós continuemos não só nos negócios de smartphones, mas também no setor de comunicações", afirma.

Hirai afirma que o objetivo é ser o líder, claro, só que é importante também "olhar além" de celulares e sair em busca de novos produtos relacionados. "O motivo pelo qual fazemos isso não é que pensamos que smartphones são o futuro, mas porque agora temos que ter dispositivos conectados a uma rede para nos conectarmos. Se sairmos desse espaço, não teremos a oportunidade de participar da próxima mudança de paradigma", explica o CEO.

Firme e forte

As dúvidas não são novas: já faz um tempo que o setor mobile é um dos poucos da Sony que teimam em não sair do vermelho. Além disso, a empresa teria demorado a adotar algumas novidades da indústria em design (como bordas cada vez menores) e funcionamento. De qualquer forma, as declarações de Hirai procedem: só na CES 2018, a empresa apresentou três modelos intermediários (Xperia XA2, XA2 Ultra e L2) e prepara o top de linha Xperia XZ Pro para uma provável revelação na MWC 2018, no fim de fevereiro.

Cupons de desconto TecMundo: