As primeiras unidades do Pixel 2 XL começaram a chegar aos consumidores e também à imprensa de tecnologia dos EUA, e a maioria desse pessoal vem dizendo que a tela do celular não é lá essas coisas quando comparada com displays de concorrentes como o Galaxy S8 ou mesmo o iPhone 8. Contudo, alguns usuários conseguiram enxergar problemas muito mais profundos no display do Pixel 2 XL que não são vistos no seu irmão menor, o Pixel 2.

Depois de dezenas de reclamações sobre cores flutuantes, tom azulado sobre a tela em ângulos mais desafiadores e, pior, pixels mais iluminados do que outros, a Google resolveu se posicionar.

pixel 2 xlAtenção para os ícones que deveriam ser brancos no topo da tela

Ao The Verge, a empresa disse que a tela dos novos Pixel foi configurada para ter uma aparência mais realista.

Vamos considerar adicionar mais opções de cor através de atualizações de software

“Nós desenvolvemos a tela do Pixel para que ela tivesse um esquema de cor mais natural e realista neste ano, mas sabemos que algumas pessoas preferem cores mais vívidas. Então, adicionamos uma opção para incrementar as cores em 10% para termos um display mais saturado. Estamos sempre de olho nas reações das pessoas ao Pixel e vamos considerar adicionar mais opções de cor através de atualizações de software caso vejamos bastante feedback nesse sentido”.

Mas parece que a Google não está admitindo que existe um problema de fato com o hardware do aparelho, e não com a configuração do display. É muito possível que a empresa consiga corrigir as cores flutuantes, um efeito estranho que invade elementos em branco e os deixam coloridos de uma forma estranha em partes específicas da tela. Contudo, a questão dos pixels iluminados de maneira disforme deve ser um problema na fabricação dos displays, feitos pela LG.

Isso pode estar acontecendo por alguma disparidade no fluxo de energia pela tela, que pode deixar alguns pixels mais brilhosos que outros. A suspeita de que a LG seja a culpada é grande porque muitos usuários do LG V30, que tem o mesmo display do Pixel XL, também estão fazendo reclamações similares no Reddit e no Twitter.

O que eu acho

Em outras palavras, a Google escolheu a fabricante errada para fazer seus displays OLED. A LG simplesmente não tem experiência para colocar essa tecnologia em smartphones e, pelo que parece, foi isso que faltou na fabricação e montagem desses componentes no novo Pixel. Caso a Google realmente estivesse interessada em ter as melhores telas em seus celulares, a empresa teria recorrido à Samsung, que faz painéis AMOLED de qualidade inquestionável. Como o celular já custa caro, por que não ter os melhores componentes?

Eu estava muito interessado em importar um Pixel 2 XL para uso pessoal, mas depois de ver tantas reclamações acerca do display, confesso que estou completamente desanimado. O celular da Google tem um design atraente para mim, um bom hardware interno, câmeras excepcionais, mas o fato de a tela poder ser tão ruim quanto muita gente vem dizendo realmente me desanima. Afinal, o display é a parte do celular com a qual o usuário mais interage.

Talvez o Pixel 2 comum possa ser uma boa opção, considerando que ele aparentemente não sofre desses problemas de tela, mas as bordas gigantescas na parte da frente simplesmente não combinam com um celular de 2017/2018.

Mas me diga a sua opinião nos comentários! Uma tela problemática é o suficiente para fazer com que você desista do Pixel 2 XL caso você já tenha a grana separada para comprá-lo?

Cupons de desconto TecMundo: