A Apple tem um evento marcado para o dia 12 deste mês em seu novo Steve Jobs Theater e, nessa oportunidade, deve anunciar seus novos smartphones. Entre eles, o mais esperado é o aparelho comemorativo que marcaria os 10 anos do lançamento do iPhone. Contudo, até agora, não temos qualquer ideia mais concreta a respeito do nome desse celular.

Rumores e vazamentos acerca do design, do hardware, de funcionalidades e de outros aspectos normalmente tratam esse lançamento como “iPhone 8”, mas ninguém até agora afirmou com o respaldo de fontes ou evidências concretas que esse será de fato o nome do dispositivo.

Esse é um dos motivos que nos levam a crer que, de todas as opções que a Apple tem em mãos para esse lançamento, “iPhone 8” é a que menos faz sentido. Fora isso, lançar um iPhone fora da sequência que a marca tem criado há dez anos não é o feitio da empresa, que sempre foi muito previsível nesse tipo de coisa.

Outros nomes que podem ter mais chances de serem escolhidos pela fabricante são “iPhone X”e “iPhone Edition”. Nós afirmamos isso porque Evan Blass, o mais famoso vazador de informações sobre o mundo mobile na atualidade, só ouviu falar até agora nessas duas nomenclaturas. “iPhone 8”, para ele, é um nome genérico que se popularizou na dimensão dos rumores, mas que não teve qualquer respaldo concreto.

Pode ser que a Apple tenha feito essa mudança de modo que, neste ano, o “X” ficasse disponível para o iPhone comemorativo

Mas vamos explicar porque essas duas últimas opções fazem mais sentido que “iPhone 8”. Primeiro, vamos avaliar o termo “iPhone X”: até recentemente, a Apple usava essa letra, que na verdade era o algarismo romano “10”, na nomenclatura do seu sistema operacional desktop. Esse SO saiu de OS X para macOS na última grande atualização. Pode ser que a empresa tenha feito essa mudança de modo que, neste ano, o “X” ficasse disponível para o iPhone comemorativo.

Esse seria um dispositivo especial, inédito e sem continuação posteriormente. Dessa maneira, faz sentido usar o X para representar o 10º aniversário sem usar o número arábico tradicional que a empresa vem utilizando na sua linha de smartphones.

A possibilidade de a empresa escolher “iPhone Edition” também é procedente e já foi respaldada por rumores anteriores que falavam especificamente acerca da nomenclatura do celular. Considerando que “Edition” para a Apple significa uma coisa mais cara, mais polida e especial — pelo que se vê no Apple Watch Edition —, o termo cabe muito bem nas descrições que temos do novo iPhone.

apple watchVersões de cerâmica e de ouro do Apple Watch se chamam "Edition"

Diferente de “iPhone 8”, nenhuma dessas duas outras possibilidades bagunçariam o esquema de nomes de produtos que a empresa já possui. Além do mais, na perspectiva do marketing, lançar um iPhone 8 junto com os iPhones 7s e 7s Plus poderia passar a impressão de que dois dos três novos celulares da marca já estariam ultrapassados, o que pode criar uma resistência desnecessária entre os consumidores da Maçã que são menos informados sobre tecnologia. Ou seja, é uma má ideia por várias razões.

De qualquer maneira, ainda não temos qualquer confirmação sobre esse assunto, mas o lançamento dos novos celulares da Apple deve acontecer na próxima terça-feira. Fique ligado ao TecMundo para acompanhar todas as novidades em tempo real.

Cupons de desconto TecMundo: