A IKEA é uma das referências mundiais quando se trata de móveis criativos, com bons preços – lá fora – e razoavelmente fáceis de montar. Apesar disso, mesmo os gênios suecos precisam de um empurrãozinho para se reinventar e apimentar os projetos da casa. Para levar essa tarefa adiante, a empresa fez uma proposta inusitada: mandou seus designers a Marte para buscar um pouco de inspiração. Quer dizer, mais ou menos isso.

Na verdade, a fabricante europeia pediu que um grupo de seus designers de produtos passasse 7 dias em uma cabine que simula o ambiente de uma pequena base humana no Planeta Vermelho. A ideia, aqui, é fazer com que o cenário reduzido estimule a proposta de criações mais minimalistas, sustentáveis e úteis para o consumidor.

Indo para o trabalho de um jeito um pouco diferente do convencional

“É o mesmo tipo de trabalho que fazemos em visitas a casas, mas, neste caso, é uma casa no espaço”, explicou Marcus Engman, o chefão de design da IKEA, em entrevista para a Wired. Para o executivo, a “viagem” deve colocar os funcionários em uma sintonia certa para pensar no que poderia ser desenvolvido caso eles deixem de lado as regras de produtos para a Terra.

Tudo isso poderia ser feito em um cubículo ? Com certeza!

Tudo isso poderia ser feito em um cubículo dentro da própria empresa ou em uma quitinete tematizada, certo? Com toda a certeza! Porém, há sempre a possibilidade de a empresa querer criar com o projeto: a) o máximo possível de veracidade para deixar os seus designers no clima correto; ou b) uma história que chame atenção do público e da imprensa na forma de uma ideia completamente maluca para renovar sua linha de móveis.

IKEA pensando no futuro?

Embora o segundo caso seja o mais provável, não dá para deixar de pensar que a NASA vai precisar de alguns móveis quando finalmente decidir enviar uma missão tripulada para Marte. Sendo assim, até que pode não ser uma má ideia a IKEA se preparar para uma possível parceria espacial, não é?

Cupons de desconto TecMundo: