(Fonte da imagem: Divulgação/Dell)

A venda da Dell que transformaria Michael Dell em acionista majoritário e presidente-executivo da companhia estava praticamente acertada entre todas as partes – até começar a dar errado. O problema é que a troca de comando e os valores envolvidos atraíram o interesse de gente poderosa e que não está disposta a entregar o comando para o grupo Silver Lake Partners.

De acordo com a Bloomberg, o principal oponente de Michael Dell é o bilionário Carl Icahn, que já teria adquirido 6% das ações da empresa para colocar seu plano em prática: conquistar grande influência e poder de voto na mesa de investidores, impedir que a empresa se torne privada e pagar os investidores de uma vez, sem que o comando seja trocado.

Tramas empresariais

Quem está de olho no apoio de Icahn é a Southeastern Asset Management, que detém 9% da Dell e está em busca do apoio de todos os investidores contrários a Michael Dell. Se todos os acionistas poderosos da empresa forem contra a venda, a negociação não será concretizada.

Ainda segundo o site, a HP (que já se mostrou contra a venda) e a Lenovo também correm por fora e estariam com propostas prontas e maiores que as da Silver Lake Partners para assumir o controle da Dell. Como essas negociações acontecem nos bastidores, entretanto, é difícil afirmar quem possui mais chances nessa briga – só que isso ainda deve levar um bom tempo.

Cupons de desconto TecMundo: