Johnny & Clyde: Megan Fox estrelará remake sobre casal de bandidos

1 min de leitura
Imagem de: Johnny & Clyde: Megan Fox estrelará remake sobre casal de bandidos
Imagem: IMDb/Reprodução
Avatar do autor

A história de Bonnie e Clyde ganhará um novo filme, estrelado por Megan Fox (Transformers) e Tyson Ritter (Preacher). Segundo o Deadline, a atração Intitulada Johnny & Clyde mostrará uma visão diferente e atualizada sobre o famoso casal de criminosos que aterrorizou os EUA durante a década de 1930, com uma série de assaltos e mortes ao longo de suas vidas na estrada.

A trama seguirá o roubo de um cassino administrado por Alana (vivida por Fox), personagem que contará com a ajuda de seu segurança (interpretado por Ritter) no trabalho. Tal premissa fará com que a dupla apaixonada de serial killers deixe uma onda de crimes em sua jornada.

“Estou muito animado por ter Megan [Fox] no papel de Alana. Ela é uma atriz brilhante que dará vida a essa personagem como ninguém mais poderia. Eu amo a energia de Tyson e mal posso esperar para ver os dois juntos”, comentou ao site Chad A. Verdi, produtor executivo de O Irlandês e responsável pelo desenvolvimento do projeto.

Megan Fox e Tyson Ritter devem estrelar a nova adaptação da história de Bonnie & Clyde nos cinemasMegan Fox e Tyson Ritter devem estrelar a nova adaptação da história de Bonnie & Clyde nos cinemasFonte:  IMDb/Reprodução 

O remake já está em pré-produção no estado de Rhode Island, local que sediará as filmagens previstas para começar em outubro. O título será dirigido por Tom DeNucci (Vault).

Adaptações de Bonnie e Clyde

Em Hollywood, as façanhas do casal foram retratadas em Bonnie e Clyde: Uma Rajada de Balas, longa de 1967 estrelado pelos consagrados atores Faye Dunaway e Warren Beatty. O filme foi um sucesso de bilheteria por conta de cenas violentas mostradas nas telonas e rendeu inúmeras indicações a premiações, como o Oscar.

Já em 2019, a Netflix lançou Estrada Sem Lei, produção que trouxe Kevin Costner e Woody Harrelson nos papéis dos “Texas Rangers” responsáveis pela perseguição, emboscada e morte dos infames bandidos.