HBO Max prepara novo app 'feito do zero' para corrigir falhas

1 min de leitura
Imagem de: HBO Max prepara novo app 'feito do zero' para corrigir falhas
Imagem: HBO Max
Avatar do autor

Após muitas reclamações de usuários, o HBO Max finalmente deve receber melhorias significativas. A revista Vulture publicou uma entrevista exclusiva com um executivo da WarnerMedia — não identificado — sobre como a empresa está trabalhando para corrigir as muitas falhas que foram identificadas por usuários da plataforma. Segundo o porta-voz da companhia, uma grande correção está em andamento e, em breve, será lançado um novo aplicativo.

Com o rápido crescimento de assinantes e expansão global, o HBO Max se provou um sucesso. Muitos desses usuários, porém, presenciaram problemas com o controle de reprodução, legendas e audiodescrição, além da lentidão geral e congelamentos ocasionais.

Conforme relatado à Vulture, os executivos da HBO Max estão cientes dos problemas e têm se esforçado para melhorar a experiência do usuário na plataforma. Os erros restantes devem ser corrigidos nos próximos dias.

(Fonte: HBO Max/MacMagazine/Reprodução)(Fonte: HBO Max/MacMagazine/Reprodução)Fonte:  HBO Max 

Raiz dos problemas

Algumas das falhas surgiram a partir do lançamento de um novo plano de US$ 10 que era apoiada por anúncios, além da expansão para 39 novos países e territórios. Outra possível causa é que o HBO Max está executando uma versão adaptada dos antigos serviços HBO Go e HBO Now. Mesmo que ambas as plataformas fossem sólidas, os programas foram projetados para um produto diferente.

Solução

A HBO Max está para lançar um aplicativo totalmente novo, projetado para atender as necessidades do novo serviço. Embora não tenha sido anunciado publicamente, os aplicativos de TV serão substituídos nos próximos quatro ou cinco meses.

Segundo as informações obtidas pela Vulture, os novos produtos serão feitos do zero, visando aprimorar a usabilidade da plataforma. Será que o HBO Max finalmente vai acertar e agradar o público? Deixe sua opinião nos comentários!

Fontes