Coringa 2: Todd Phillips pode voltar para escrever roteiro do filme

1 min de leitura
Imagem de: Coringa 2: Todd Phillips pode voltar para escrever roteiro do filme
Imagem: Warner Bros. Pictures/Reprodução
Avatar do autor

Conforme informações anteriores indicaram, a sequência de Coringa, de Todd Phillips, continua em desenvolvimento na Warner Bros. Pictures. E, recentemente, por meio de um artigo publicado pelo The Hollywood Reporter, o advogado Warren Dern divulgou alguns negócios que está fazendo nos últimos tempos.

Segundo os relatórios, Todd Phillips teria fechado um acordo com o estúdio para coescrever Coringa 2. Além de confirmar a produção do filme, o report ainda mostra que o cineasta responsável pelo primeiro longa estará envolvido. A produção fez bastante sucesso quando lançada em 2019, rendendo, inclusive, um Oscar de Melhor Ator para Joaquin Phoenix pelo papel titular.

Os roteiros foram assinados por Todd Phillips e Scott Silver, inspirando-se nos quadrinhos originais da DC Comics para criar uma nova trama de origem para o controverso personagem. Apesar das polêmicas com os fãs mais radicais, que acreditam em uma narrativa de Coringa sem muitas explicações sobre seu passado, o filme foi bem recebido pelo público.

Coringa arrecadou mais de US$ 1 bilhão, tendo em vista que foi produzido com um orçamento modesto — o custo estimado foi de cerca de US$ 55 milhões. Os críticos também foram favoráveis em sua maioria, repercutindo a produção em vários níveis.

(Warner Bros. Pictures/Reprodução)(Warner Bros. Pictures/Reprodução)Fonte:  Warner Bros. Pictures 

Coringa 2: Todd Phillips fala sobre sequência do filme da DC

Após o lançamento do primeiro longa, muitos espectadores ficaram ansiosos por notícias de uma possível sequência. Mesmo com algumas entrevistas não sendo favoráveis a essa questão, Phillips manteve vivas as esperanças dos fãs.

“Enquanto Joaquin [Phoenix] e eu conversamos sobre isso, viajando pelo mundo com executivos da Warner Bros. Pictures [...] Sentávamos para o jantar e conversávamos”, revelou em determinada entrevista. Já ao Deadline, durante a temporada de premiações, o cineasta disse que ainda não havia se decidido com o ator protagonista.

“Mas estamos abertos. Quer dizer, eu adoraria trabalhar com ele em qualquer coisa, para ser franco. Então, quem sabe? Mas teria que ter uma ressonância temática real como este, em última análise, tratando de traumas de infância e a falta de amor e a perda de empatia”, comentou na época.

Vamos aguardar por novidades!

Coringa 2: Todd Phillips pode voltar para escrever roteiro do filme