Oscar: Academia aceitará filmes lançados em streaming em 2021

1 min de leitura
Imagem de: Oscar: Academia aceitará filmes lançados em streaming em 2021
Avatar do autor

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas decidiu rever uma das suas mais importantes regras para os concorrentes ao Oscar. O conselho administrativo da Academia realizou uma reunião remota na manhã desta terça-feira (28) e decidiu suspender temporariamente a exigência de uma exibição em cinema por sete dias em Los Angeles, para se qualificar para o Oscar.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, os cinemas nos Estados Unidos estão fechados, e muitos filmes tiveram suas estreias adiadas para 2021. Isso impediria que eles pudessem concorrer à 93ª do Oscar. Com a mudança de regra, filmes que estrearem em plataformas de streaming, como a Netflix, poderão ser inscritos a uma vaga na premiação.

Porém, para serem considerados elegíveis, será necessário que os filmes já tenham uma data de lançamento em cinema definido. Além disso, eles também devem ser disponibilizados no site de streaming exclusivo para membros da Academia, dentro de 60 dias após a transmissão do filme ou o lançamento em plataforma online.

Diretor de 'Parasita', Bong Joon Ho, ao receber o prêmio de melhor diretor no Oscar 2020Diretor de 'Parasita', Bong Joon Ho, ao receber o prêmio de melhor diretor no Oscar 2020Fonte:  IMDb/Reprodução 

O presidente da Academia, David Rubin, e o diretor-executivo, Dawn Hudson, escreveram um comunicado reconhecendo a importância do cinema para os filmes. Porém, eles destacaram que o atual cenário exigiu mudanças para que ninguém fosse prejudicado.

“A Academia acredita firmemente que não há maneira melhor de experimentar a magia dos filmes do que vê-los em um cinema”, disse o comunicado. “Nosso compromisso com isso é inalterado e inabalável. No entanto, a pandemia historicamente trágica da covid-19 exige essa exceção temporária às nossas regras de elegibilidade para prêmios. A Academia apoia nossos membros e colegas durante esse período de incerteza. Reconhecemos a importância de seu trabalho ser visto e comemorado, especialmente agora, quando o público aprecia filmes mais do que nunca”.

Essa mudança vale pelo período que os cinemas ficarem fechados. Quando a situação for regularizada, será necessário cumprir o prazo de exibição de sete dias novamente. A Academia também irá aumentar o número de cinemas em Los Angeles que podem receber os filmes, além de incluir salas nas cidades de Nova York, São Francisco, Chicago, Miami e Atlanta.

A 93º edição do Oscar acontece no dia 28 de fevereiro de 2021.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Oscar: Academia aceitará filmes lançados em streaming em 2021