Coronavírus pode afetar lançamento dos consoles da nova geração

2 min de leitura
Imagem de: Coronavírus pode afetar lançamento dos consoles da nova geração
Avatar do autor

Caso estivéssemos em uma situação normal, Sony e Microsoft teriam os próximos meses para investir em campanhas de marketing e garantir que seus novos consoles chegassem ao mercado entre o final de 2020 e início de 2021. Porém, a pandemia do novo coronavírus mudou o cenário, e agora fica cada vez mais arriscado não atualizar o lançamento para um período menos incerto.

Porém, adiar um lançamento desse tamanho também implica em riscos, que nem Sony nem Microsoft querem correr. Isso porque ambas podem encontrarem um cenário mais otimista no final do ano. Perder essa janela seria abrir mão de um planejamento de longa data e feito a partir de muitos estudos, além de permitir que a empresa concorrente tenha um mercado livre nos primeiros meses de venda.

Por outro lado, manter a data original se torna um risco cada vez mais crítico. Além da covid-19 poder afetar a venda de ambos os consoles no lançamento, o isolamento social está afetando a produção de peças, o que pode impactar no valor final. Daniel Ahmad, analista sênior da Niko Partners, disse que apenas se os fabricantes de hardware conseguirem compensar a produção em atraso até o final segundo trimestre, a data original de lançamento deve ser mantida.

“Se os fabricantes não puderem operar com capacidade máxima antes do final do segundo trimestre de 2020, poderemos ver um impacto nos lançamentos dos consoles da próxima geração, com fornecimento limitado ou lançamentos atrasados se tornando os resultados prováveis”, explicou Ahmad.

Empresas precisam decidir se manter a data para o final de 2020 não irá prejudicar as vendasEmpresas precisam decidir se manter a data para o final de 2020 não irá prejudicar as vendasFonte:  CBR/Reprodução 

Luz no fim do túnel

Na semana passada, o chefe da divisão Xbox da Microsoft, Phil Spencer, disse ao IGN que as fábricas na China já estavam retornando à normalidade, o que iria permitir que o Xbox Series X fosse lançado dentro do prazo esperado. Ao mesmo tempo, ele mesmo reconheceu que a situação ainda é incerta e que ficará de olho para eventuais novidades.

A Sony parece estar seguindo no mesmo caminho. Em março, um relatório da Bloomberg revelou que a empresa pretendia manter a data original de lançamento do PS5, conforme a situação da pandemia na Ásia é normalizada.

A esta altura, qualquer movimento pode representar um grande prejuízo para ambas as empresas, por isso nem Microsoft, nem Sony querem dar o primeiro passo para um eventual adiamento. Por outro lado, caso esse se mostre o melhor caminho, atrasar demais o anúncio de uma nova data pode representar uma grande frustração por parte dos fãs e, principalmente, dos investidores.

Coronavírus pode afetar lançamento dos consoles da nova geração