Star Wars não consegue cativar a atual geração

1 min de leitura
Imagem de: Star Wars não consegue cativar a atual geração
Avatar do autor

De acordo com alguns dados recentes da Disney, a atual geração não parece estar muito interessada na franquia Star Wars. A saga, iniciada em 1977 por George Lucas, não está dando o retorno financeiro esperado. Isso pode ser observado no valor arrecadado com as atrações na Disney, as recentes bilheterias no cinema e até mesmo com a venda de colecionáveis.

O Galaxy’s Edge, nova atração da Disney, na Califórnia, tem apresentado um público muito inferior ao esperado. Apesar de ter tido um início promissor, com diversas reservas, a área do Star Wars tem visto o público diminuir. Ao mesmo tempo, o parque temático da Universal Studios, teve um aumento de público no mesmo período devido ao Mundo Mágico de Harry Potter.

Em 2018, o filme Han Solo: Uma História Star Wars teve uma bilheteria fraca, sendo o primeiro grande prejuízo para a Disney desde a compra da Lucasfilm em 2012. Os valores também tiveram queda com os filmes principais. Em 2015, Star Wars: O Despertar da Força teve uma bilheteria de mais de US$ 900 milhões, enquanto a sequência, Star Wars: Os Últimos Jedi, de 2017, faturou pouco mais de US$ 600 milhões.

Star WarsFonte da imagem: IMDb/Reprodução

Tudo isso revela que a nova geração parece não ter o mesmo interesse por Star Wars que seus pais e nem os colecionáveis parecem interessar mais. De acordo com um relatório recente, os action figures da Marvel tem dado maior retorno financeiro para a empresa.

A Disney ainda deve aguardar o resultado do próximo filme, Star Wars: A Ascensão Skywalker, que chega aos cinemas em dezembro. Se o resultado não for o esperado, é possível que os fãs de longa data precisem se despedir da franquia em um futuro não tão distante.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Star Wars não consegue cativar a atual geração