Para quem ainda tinha esperanças de que o final dessa história fosse diferente, mesmo com a bizarra sinopse e os trailers de arrancar os olhos, sentimos informar que, pelo visto, não deu: Emoji: O Filme vem se mostrando um fracasso de crítica sem igual. Isso sendo que o longa-metragem mal chegou às telas do cinema, vale notar.

Acha que estamos exagerando? Quem dera. No famoso site Rotten Tomatoes, por exemplo, Emoji: O Filme tem uma “incrível” pontuação de 7%; já no IMDB a situação não é muito diferente, com uma avaliação de 1,4/10. No Metacritic o filme não teve resultados melhores, ficando com uma pontuação de apenas 10/100, segundo as médias de diversas análises.

Como você deve imaginar pelo que mostramos acima, não faltam palavras duras da crítica lá fora para a qualidade da animação. O pessoal do site Cracked, por exemplo, postou um tweet destacando algumas das melhores: temos desde descrições de como o filme torna você uma pessoa fria, irritada e ressentida de tão ruim, até reclamações de que a produção é uma investida “sem alma” e uma “experiência dolorosa de assistir”.

Confira alguns logo abaixo:

“Um espectador deixa Emoji: O Filme como uma pessoa mais fria, não apenas irritada com o filme por ser inconscientemente ruim, mas ressentido com ele por fazê-los sentir irritados.”

“Emoji: O Filme é quase tão ruim e brutalmente deprimente quanto todo o resto em 2017.”

“Uma investida sem alma de uma experiência dolorosa de assistir. Suas crianças merecem mais.”

“Esse é um dos filmes mais obscuros e consternantes que eu já vi, quem dirá um ostensivamente para crianças.”

“Uma demonstração de abdicação artística em sua forma mais venal, mas as crianças vão gostar dele?”

Depois de tantas reclamações, convenhamos que fica difícil se animar para ver o longa quando ele chegar aqui no Brasil no dia 31 de agosto. A não ser, é claro, pela curiosidade mórbida de saber por que ele é tão ruim.

Cupons de desconto TecMundo: