Uma máquina de criptografia Enigma bateu um novo recorde ao ser leiloada por US$ 369 mil (cerca de R$ 1,5 milhão) na cidade de New York, Estados Unidos. A informação foi revelada por um dos porta-vozes da casa de leilões Bonhams.

O comprador não foi identificado, e a única informação que veio à luz é que o aparelho foi adquirido para uma coleção privada. O modelo do dispositivo é o Enigma M4 de quatro rotores, um dos mais raros de todos, já que eles eram utilizados em submarinos alemães – que foram quase todos afundados até o final da Segunda Guerra Mundial.

O aparelho de criptografia de mensagens mais sofisticado da época teve sua produção ordenada pelo almirante nazista Karl Doenitz diante das preocupações desencadeadas pela captura de um modelo de três rotores em 1941. Das 50 máquinas Enigma espalhadas por museus do mundo todo, apenas sete são da versão mais complexa.

Uma curiosidade é que, embora o dispositivo oferecesse um padrão de criptografia exacerbadamente complexo para a época, o código foi quebrado pelo matemático Alan Turing a serviço da agência de espionagem britânica (GCHQ). Alan é reconhecido hoje como o Pai da ciência da computação.

Cupons de desconto TecMundo: