Embora quem acompanhe o ciclo de lançamentos da Apple saiba que deve levar ao menos dois anos antes de a companhia investir em um visual novo para a linha iPhone, isso não impede que designers independentes invistam em ideias próprias. Prova disso é o trabalho desempenhado pelo russo Grisha Serov, que uniu características do iPhone 6 aos elementos apresentados pelo Apple Watch.

Serov criou um aparelho conceitual bastante atraente que corrige alguns dos problemas vistos nos produtos que chegaram recentemente ao mercado — entre eles, a presença de uma câmera que se destaca um pouco do corpo dos smartphones com a marca da Maçã. Além disso, ele investe em curvas mais sutis e em um acabamento em liga de aço inoxidável ou alumínio.

Com uma superfície semirreflexiva, o iPhone 6S criado por Serov definitivamente parece mais refinado do que os modelos disponíveis atualmente nas lojas, que optam por um acabamento fosco. Embora a possibilidade de que um dia a Apple vá investir em um aparelho com tais características seja incerta, não deixa de ser interesse observar um dos caminhos que ela pode seguir no futuro.