Um computador datado de 1985 ainda é o responsável por fazer com que 19 escolas públicas dos EUA literalmente “respirem”. A história que tem a icônica máquina como protagonista se passa na cidade de Grand Rapids, no estado norte-americano de Michigan.

Responsável por controlar uma série de ventiladores e aparelhos de ar-condicionado, o Commodore Amiga já tem 30 anos. Conhecido também pelo codinome “AMIGA”, o aparelho foi encomendado pelo distrito de escolas públicas da região e programado por um estudante do ensino médio na época.

“O Commodore Amigo era novo no distrito das escolas no início da década de 1980 e trabalha sem descanso desde então”, diz Tim Hopkins, um dos moradores do local em entrevista à emissora WoodTV. Comprada com dinheiro arrecadado pela cadeia dos centros de ensino, a máquina substitui um computador que tinha o “tamanho de uma geladeira”.

Comandos wireless

O AMIGA controla o sistema das 19 escolas por meio de sinais wireless, uma vez que é equipado com um modem de 1.200 bits. Apesar de eficiente em sua tarefa, o computador está prestes a ser substituído.

É que ele acaba gerando interferências durante conversas feitas via walkie-talkies. “Então temos de ‘limpar a frequência do rádio’ e fazer com que todos desliguem os aparelhos durante cerca de 15 minutos”, explica Hopkins.

Além disso, volta e meia uma peça tem de ser trocada ou ajustes no software têm de ser feitos ainda pelo sujeito que, há 30 anos, programou o sistema. Atualmente, o distrito de escolas públicas de Grand Rapids analisa formas de aposentar o Commodore Amiga e implantar um mecanismo atualizado de controle de ventilação.

Cupons de desconto TecMundo: