Baixar arquivos com tamanhos colossais é uma experiência demorada para a maioria dos usuários de internet no Brasil. Levando em consideração tal fato, podemos afirmar que ser obrigado a baixá-los novamente por causa de um descuido, como apagá-los por acidente, é no mínimo frustrante.

Pensando nisso, o Baixaki resolveu fazer uma seleção de programas os quais podem vir a ajudar vocês, usuários descuidados, a recuperar seus arquivos antes “perdidos para sempre”. Além disso, mostraremos também alguns programas que podem ajudá-lo com o gerenciamento de arquivos grandes (mover, copiar, etc.).

Gerenciadores de arquivos

Seleção de programas que aceleram e/ou facilitam o gerenciamento de arquivos maiores.

Gratuitos

Turbo Navigator: O melhor dentre os cinco escolhidos. Diminui o tempo de transferência em 15% e é uma ótima opção para substituir o Windows Explorer, contudo, não oferece opção de pausar as transferências;

KillCopy: Possibilita que você pause uma transferência no meio e reinicie mais tarde. Com ele também é possível alterar a taxa de transferência (caso você queira fazer outra coisa enquanto copia o arquivo), o que fazer no caso de já existir um arquivo de mesmo nome, reação ao encontrar um erro, entre outras coisas;

lp

Gratuitos para testar

GatherBird Copy Large Files: Permite adicionar diversos arquivos para a lista de cópias e promete aumentar a velocidade de transferência em até 15%. Útil para copiar arquivos gigantes que geralmente causam instabilidade no sistema;

BurstCopy
: Você pode personalizá-lo da forma como achar melhor, assim como definir taxas de transferência e pausá-las para iniciar mais tarde, além disso oferece uma opção que acelera um pouco a transferência;

Low Tek Copyfaster: Promete aumentar a velocidade de transferência em 185% no Explorer do Windows 2000, no entanto no Windows XP ela continua a mesma.

Dependendo do tamanho do arquivo pode ser que ele dê algum erro de transferência ou algo do gênero. Em alguns casos uma medida que pode vir a ajudar você é a de dividir tal arquivo em diversas (ou algumas) partes menores. A seguir há a seleção de três programas que podem lhe ajudar.

EasySplit: Apesar de travar um pouco entre uma ação e outra, ele faz o que promete de maneira eficaz e rápida. O EasySplit permite que você escolha qual o tamanho de cada parte e é fácil de usar;

GSplit: Programa com diversas opções, sendo que as de dividir e juntar um arquivo funcionam de maneira bastante rápida.

Recuperação de arquivos

DataRecovery: Programa bastante simples que não requer instalação e funciona muito bem, além de ser leve. Basta selecionar o drive onde estava o arquivo deletado e pesquisar (“Scan”), terminada a pesquisa haverá as opções de apagá-lo permanentemente (“Wipe”) ou então restaurá-lo (“Recover”);

PC Inspector File Recovery: Bastante fácil de usar, permite que você escolha qual drive pesquisar e após achar o arquivo apagado bastam dois cliques para recuperá-lo. Além de ser rápido, ele acha diversos arquivos, às vezes não aquele desejado, mas acha bastante;

rc


Recuva: A principal vantagem do programa? Ele está em português! Além disso, apresenta um assistente que lhe auxilia a filtrar sua pesquisa por arquivos perdidos. A pesquisa superficial é bastante rápida, mas pode não encontrar o arquivo desejado. Para resolver isso use a pesquisa avançada (marque a opção na última tela do assistente), no entanto, ela é extremamente mais demorada do que a anterior e às vezes não acha o que você procura;

Backup

Outra maneira eficiente para se recuperar arquivos é fazer backup deles. Todavia tal medida funciona mais com aqueles que o fazem diariamente, caso contrário pode vir mais a atrapalhar do que ajudar.

Cobian Backup: Oferece várias funções de configuração, além disso, é possível agendar dias e horários nos quais o programa fará o backup por conta própria. E o melhor: está disponível em português;

 

bk


FBackup: Bastante similar com o anterior, no entanto, esse oferece a opção de se compactar a imagem do backup e também permite fazer backup de redes;

FileHamster: Após instalar você define uma pasta na qual ele salvará seus backups, em seguida, será necessário escolher arquivos ou diretórios para que o programa acompanhe suas alterações. Basicamente o diferencial dele é fazer automaticamente backups sempre que os arquivos selecionados forem alterados.