Faltando menos de 10 dias para a estreia oficial do aguardado Star Wars VII: O Despertar da Força, os fãs do mundo todo aguardam ansiosamente por qualquer novidade a respeito do longa. Como seria de se esperar nesse tipo de situação, a chegada do produtor do filme, Bryan Burk, ao painel de franquia na CCXP deixou todos os presentes empolgados para que ele contasse um pouco a respeito da produção, falando sobre seus desafios e suas expectativas.

Segundo ele, o diretor J. J. Abrams inicialmente não gostou da ideia de trabalhar em uma sequência de Star Wars e planejava recusar o projeto. “Por ser um fã, ele achou que isso seria pesado demais, mas concordou em participar de uma reunião – e depois foi a outra, e outra... Só quando percebeu que poderia fazer algo realmente bom, ele se envolveu”, afirmou Burk.

Durante a apresentação, o produtor se esforçou para não revelar detalhes a respeito do longa, afirmando desejar que os fãs ainda contem com a mesma sensação de surpresa que tivemos ao assistir aos primeiros Star Wars no cinema. Burke afirmou ter se surpreendido ao saber que Luke e Leia eram irmãos e desejou que todos os espectadores possam ter esse sentimento de estar vendo algo desconhecido – motivo pelo qual a empresa maneirou nos trailers e teasers.

Nada é por acaso

Falando sobre a escolha dos protagonistas, Burke afirmou que a decisão foi tomada com base na preocupação da equipe em falar sobre os personagens, contar suas histórias únicas. “Não falamos algo como ‘ah, vamos ter um negro e uma mulher’. O personagem tem que casar com a história e ter sua própria força”, disse.

Quando o painel abriu espaço para perguntas da plateia, um fã ressaltou a maneira como a Força, um elemento tão importante e misterioso da franquia, foi subutilizada nos três filmes mais recentes. Sobre isso, o produtor tranquilizou o público afirmando que o mesmo erro não seria cometido. A Força, para nós, é tão importante que a tornamos parte do título. Garanto que ela está mais presente nesse longa”, ressaltou.

Só para os presentes

Por fim, Burke surpreendeu a todos exibindo uma gravação exclusiva dos bastidores da produção, a que ele chamou de “vídeo de legado”. No trailer, pudemos ver cenas por trás das câmeras e depoimentos dos atores e do diretor a respeito da sensação de, como fãs que cresceram vendo Star Wars, estar envolvidos na franquia.

Os intérpretes de Luke Skywalker e Han Solo, Mark Hamill e Harrison Ford, também deram as caras no teaser, falando sobre a animação de estarem de volta à série. Encerrando sua participação na CCXP 2015, Burke agradeceu aos fãs brasileiro e desejou, em português, “que a Força esteja com vocês”.

Já está contando os dias para a estreia de Star Wars VII: O Despertar da Força? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: