Além de contar com a presença de grandes nomes internacionais dos filmes, séries, quadrinhos e games, a Comic Con Experience 2015 também abre espaço para que os talentos nacionais do cinema mostrem seus trabalhos. Durante o primeiro dia do evento, o cineasta brasileiro Pedro Morelli falou um pouco sobre seu longa "Zoom", que deve estrear no final de março e tem em seu elenco nomes como Gael García Bernal, Mariana Ximenes e Alison Pill, entre outros.

"Zoom" é uma comédia que conta a história de uma cartunista (vivida por Pill) que cria HQs sobre determinado cineasta famoso (interpretado por Bernal). Enquanto isso, o diretor cinematográfico prepara um filme sobre uma escritora (Ximenes), que por sua vez trabalha em um livro a respeito da desenhista, fechando o ciclo. As coisas ficam malucas de vez quando eles percebem que suas obras afetam a vida das pessoas a quem retratam, “como um boneco vodu”.

Somando-se à sua premissa curiosa, Zoom apresenta uma estética variável, que se altera constantemente no filme de acordo com qual dos personagens está em foco no momento. Quando vemos o desenrolar da história do cineasta sob os olhos da cartunista, por exemplo, o filme live-action se transforma em uma animação. No total, o longa conta com 29 minutos de “desenhos” feitos com uso da técnica de rotoscopia.

União de dois mundos

Durante seu painel na CCXP, Morelli falou sobre o desafio de transpor a linguagem e a estética dos quadrinhos para o cinema e explicou um pouco do processo de produção das animações. Segundo ele, uma das dificuldades foi encontrar uma identidade visual que combinasse essas duas artes tão distintas, algo que foi resolvido após a pesquisa de muitas referências em outras obras.

Para fazer sua visão ganhar vida, Morelli diz que foi necessário que os desenhistas animassem mais de 20 mil quadros do filme, um trabalho bastante intenso. Para viabilizar o processo, os trechos em questão rodam a 12 quadros por segundo, com os artistas principais ficando responsáveis por somente os dois principais frames de cada dúvida – com os demais ficando a encargo do restante de sua equipe, que imitava seu estilo.

Com base nas cenas gravadas pelos atores reais, os desenhistas então faziam os traços somente dos personagens durante as cenas animadas. O passo seguinte era colorizar o que foi criado. Só então os cenários eram adicionados. A tarefa já seria trabalhosa em cenas estáticas, mas a situação piorava ainda mais com qualquer movimento da câmera, já que se tornava necessário criar um mapa 3D para mover os ambientes apropriadamente.

Zoom será distribuído nacionalmente pela Paris Filmes e chegará aos cinemas brasileiros no final de março. Além das estrelas citadas, o elenco também inclui Jason Priestley, Don Mckeller e Cláudia Ohana. Continue acompanhando nossa cobertura da Comic Con Experience para saber mais sobre as principais novas produções nacionais e internacionais exibidas no evento.

Você curtiu a proposta curiosa do vindouro filme brasileiro, "Zoom"? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: