(Fonte da imagem: Shutterstock)

Até o momento atual, 46 milhões de brasileiros já realizaram ao menos uma compra pelo meio online durante o ano de 2013. Uma pesquisa do Ibope revelou que, apesar de o setor estar em crescimento, mais da metade dos consumidores ainda possui medo de não receber produtos comprados através de lojas virtuais.

Segundo o relatório, durante o primeiro semestre deste ano o comércio eletrônico faturou R$ 13 bilhões no país. 93% dos entrevistados consideram a comodidade o maior fator pelo qual eles optam pelo meio online, enquanto 85% apontaram os preços mais competitivos como a principal vantagem. Já a maior variedade de produtos é responsável por 66% das decisões de compra.

No entanto, ainda há grande desconfiança quanto à confiabilidade das lojas online e ainda são comuns histórias de produtos que não são entregues. Para evitar que isso ocorra com você, é preciso tomar alguns cuidados simples: consultar o histórico da loja em redes sociais e sites especializados como o “Reclame Aqui”, verificar se ela possui selos de certificação conhecidos e consultar a opinião de amigos que tenham costume em lidar com o comércio online.

“É importante olhar lá no rodapé, geralmente, do lado esquerdo ou no meio da página, se tem a política de privacidade, o compartilhamento dos seus dados, porque às vezes você não quer compartilhar seus dados com outras pessoas”, orienta Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da Proteste, Associação Brasileira de Defesa do Consumidor. Segundo ela, também é importante evitar depósitos em contas correntes de pessoas físicas, exigência que muitas vezes serve como indício de que pode ocorrer alguma fraude.

Cupons de desconto TecMundo: