A entrada no cinema com filmes próprios prova-se cada vez mais uma das atitudes mais acertadas da história da Marvel. A empresa, que iniciou o próprio universo cinematográfico em 2008, já registrou uma arrecadação que ultrapassa os US$ 10 bilhões (cerca de R$ 35,97 bilhões).

De acordo com o site Deadline, esse valor é a soma da bilheteria mundial de 13 filmes feitos nos últimos oito anos, iniciando com o primeiro Homem de Ferro (2008) e alternando entre produções solo e de equipe. Em termos individuais, "Os Vingadores" permanece como a galinha dos ovos de ouro do universo de filmes da Marvel. Sozinho, ele foi responsável por US$ 1,51 bilhão (R$ 5,4 bilhões) em bilheteria mundial.

Assim, o Marvel Cinematic Universe (MCU) é agora a franquia mais rentável da história do cinema, ultrapassando séries como Harry Potter, James Bond, O Senhor dos Anéris e até Star Wars. E é curioso notar que a média de arrecadação dos filmes é menor que a saga do bruxo ou as histórias criadas por George Lucas — "O Incrível Hulk" e os filmes do Thor não são um sucesso tão absurdo, mas isso é compensado com recordes e mais recordes de produções como "Os Vingadores".

Muita coisa pela frente

O último filme que ajudou a Marvel a atingir essa meta foi "Capitão América 3: Guerra Civil", que é praticamente um filme dos Vingadores. Sozinho, ele já acumulou US$ 940 milhões (R$ 3,3 bilhões) — e esse número pode subir. Filmes marcados para a próxima fase do MCU, como "Doutor Estranho", "Os Vingadores 3: Guerra Infinita" (que será dividido em duas partes), "Pantera Negra" e "Guardiões da Galáxia 2" devem aumentar consideravelmente o total.

Qual seu herói e sua editora preferidos? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: