Tente se lembrar da primeira vez que você subiu em uma montanha-russa. Agora faça o mesmo com aquela viagem de carro que fez você ficar quase 12 horas sem sair da estrada. É bem possível que em algum dos casos você tenha passado por maus bocados devido a enjoos e náuseas, não é mesmo? Pois cientistas britânicos estão desenvolvendo um método para acabar com isso rapidamente.

Pesquisadores da Imperial College London afirmam terem chegado a uma conclusão bem interessante: com impulsos elétricos é possível curar enjoos rapidamente. Depois de induzir algumas pessoas às náuseas — utilizando cadeiras giratórias para isso —, os pesquisadores observaram que o eletroencefalograma delas ficava alterado. Ou seja, algumas ondas cerebrais saíam do normal. Quando o mesmo acontecia com o cérebro estimulado, a história era diferente. 

Para estimular o cérebro com a eletricidade, os cientistas utilizam indução por meio de um processo chamado "Estimulação Transcraniana por Corrente-Direta" (ETCC). Isso era feito com uma série de eletrodos presos à cabeça e ao final do processo, era possível ver menor presença de enjoo ou outros sintomas similares. Com isso, os cientistas afirmam que pode ser possível neutralizar os problemas de quem sobre muito com o movimento.

Agora, os pesquisadores têm um novo desafio: colocar em prática o que afirmam ser possível fazer. Eles afirmam que é possível levar a tecnologia para smartphones, fazendo com que os fones de ouvido funcionem como os indutores. De acordo com eles, isso deve acontecer em cinco ou dez anos, mas ainda não afirmam examente como isso será colocado no mercado.

Você usaria um celular "antináuseas"? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: