Filmes de superespiões não raramente mostram lentes de contato capazes de gravar vídeos, mostrar informações em tempo real e, claro, aproximar imagens como se fossem verdadeiros telescópios. Algo com tudo isso ainda precisa ser inventado, mas parece que um grupo de pesquisadores da Escola Politécnica Federal de Lausana, na Suíça, já está com a vantagem. Eles criaram uma lente capaz de aproximar qualquer coisa com o piscar de um olho.

Há pequenos espelhos de alumínio dentro dessas lentes de contato que podem ser “personalizados” de acordo com o gosto do usuário. Ele pisca com um olho para aproximar as imagens e, com o outro, desfaz esse ação. Se piscar com ambos, nada muda.

Apesar disso, essas lentes de contato não funcionam por si só. O usuário deve colocar ainda um par de óculos no rosto que tem lentes de cristal líquido conectadas a um sistema eletrônico.

Esse acessório é que realmente faz as coisas mudarem na lente. Para aproximar ou distanciar as imagens, as partículas do cristal líquido são polarizadas de formas diferentes. Com isso, a luz é filtrada e, conforme chega ao olho, consegue o efeito de próximo ou distante.

Aplicações práticas

Ainda não há previsões para comercializar esse equipamento, e os usos previstos para essa tecnologia são basicamente relacionados a pessoas idosas que perderam a visão por algum tipo de doença degenerativa.

Contudo, como se trata de lentes rígidas, elas não podem ser usadas por mais de 30 minutos seguidos, já que não permitem que o olho entre em contato com o ar. Os pesquisadores tentam resolver essa dificuldade para tornar o equipamento viável.

Cupons de desconto TecMundo: