O câncer é um dos grandes problemas da humanidade, sendo responsável por altíssimas taxas de mortalidade em todo o planeta. Visando novas formas de barrar o avanço da doença, uma empresa norte-americana chamada Bikanta está desenvolvendo um novo método de detecção de tumores — prometendo maior precisão na localização de acúmulos de células com mitose anormal no corpo humano.

E esse método da Bikanta utiliza algo que poucos imaginam: nanodiamantes. Trata-se de uma tecnologia baseada nesse material, que permite maiores definições nos sistemas de imagens atuais. Para isso, os nanodiamantes substituem outros elementos como contraste químico durante os exames.

Segundo os cientistas, os nanodiamantes são incrivelmente capazes de iluminar a visualização de tecidos e órgãos humanos, principalmente as imperfeições moleculares que podem representar tumores em fase inicial. Diferente do que acontece com os atuais mecanismos de exames visuais, o método de nanodiamantes não apresenta muitos ruídos nos planos de fundo das imagens, oferecendo resultados mais claros. 

Cupons de desconto TecMundo: