(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

A internet de alta velocidade está próxima de ganhar ainda mais poder. Cientistas norte-americanos e israelenses se uniram em um projeto que pretende modificar os padrões das conexões sem fio. E, para isso, eles transformaram o modo como o sinal Wi-Fi é transmitido dos roteadores aos computadores.

Os pesquisadores conseguiram criar uma onda de rádio giratória, capaz de transmitir até 2,56 terabits por segundo. Com isso, a grande mudança é a utilização de sinais em estado OAM (Momento Angular Orbital) em vez de apenas SAM (Momento Angular Rotativo). Como explicou o Extreme Tech, o OAM funcionaria como o movimento de translação da Terra, enquanto o SAM seria o de rotação.

Por essa razão, o sinal poderia condensar muito mais dados no mesmo espaço, fazendo com que a transmissão fosse muito mais veloz. Por enquanto, a nova tecnologia está disponível apenas para testes nas universidades de Tel Aviv e South California e em um laboratório da NASA – todos envolvidos no projeto –, sendo que não há previsão de quando a novidade será levada aos ambientes domésticos.

Fontes: The Verge, Extreme Tech e Nature

Cupons de desconto TecMundo: