Homem trava luta com jacaré na Flórida usando uma lata de lixo; veja

1 min de leitura
Imagem de: Homem trava luta com jacaré na Flórida usando uma lata de lixo; veja
Imagem: miniformat65/Pixabay
Avatar do autor

Na terça-feira (28), um homem foi indicado pelo Gabinete da Flórida ao título de Grande Floridense por ato heroico realizado em seu jardim: Eugene Bozzi, um veterano do Exército dos EUA, travou uma luta com um jacaré e conseguiu capturá-lo, usando como arma apenas uma lata de lixo.

O combate aconteceu na pequena cidade de Mount Dora, na Flórida, e imediatamente as imagens viralizaram nas redes sociais. Bozzi contou ao New York Post que estava conversando com seu sobrinho, na garagem de casa, quando ouviu um barulho, e sua filha chegou dizendo: "Ei, esse jacarezão acabou de assobiar para mim".  Quando ele viu que o bicho tinha um metro e oitenta de comprimento, teve um "pensamento impulsivo" e resolveu enfrentá-lo.

"Como não sei os procedimentos", admitiu Bozzi à emissora de TV WESH de Orlando, "então eu fiz do meu jeito". Num ato que ganhou aplausos dos vizinhos e likes pelo mundo, o veterano empurrou o latão de plástico para capturar o jacaré. Depois, empurrou a lata com o animal dentro morro abaixo até um tanque de retenção, onde libertou o crocodiliano para o seu habitat.

Jacaré vs Homem (com lata de lixo)

Na entrevista ao New York Post, Eugene Bozzi afirmou que, pensando também nos filhos das outras pessoas, "o instinto militar entrou em ação". Espectador assíduo dos vídeos do Animal Planet, o combatente disse que utilizou a caixa de plástico com a tampa para cima para que o jacaré pensasse estar sendo atacado por um hipopótamo. Quando metade do bicho estava dentro da lixeira, ele soltou a tampa, que ajudou a empurrá-lo completamente.

O episódio teve tanta repercussão, que a Comissão de Conservação de Peixes e Vida Selvagem da Flórida viu-se obrigada a emitir um alerta aos habitantes do estado, região onde essas aparições de jacarés são comuns, pedindo expressamente: "Não peguem uma lata de lixo". A orientação do órgão oficial é para que os cidadãos ameaçados por esses animais liguem imediatamente para a hotline estadual e peçam "um caçador de crocodilos REAL”.

Vejam abaixo o vídeo do susto REAL.