Empresa sueca diz ter criado aço 100% sustentável, sem uso de carvão

2 min de leitura
Imagem de: Empresa sueca diz ter criado aço 100% sustentável, sem uso de carvão
Imagem: Hybrit
Avatar do autor

Na busca por desenvolver materiais mais sustentáveis, a empresa sueca Hybrit produziu o primeiro aço criando sem o auxílio de combustíveis fósseis. Essa liga metálica, segundo a fabricante, foi feita com uso do hidrogênio, sem lançar mão de carvão e cal, materiais que tradicionalmente fazem parte do processo.

A invenção é tão promissora que já foi entregue para o seu primeiro cliente. A Volvo, fabricante também sueca de carros e caminhões, encomendou uma remessa desse “aço verde” para a fabricação de seus automóveis.

A Hybrit, ligada a estatais da Suécia, planeja iniciar a produção em massa da liga metálica nos próximos anos, quando a demanda pelo material estiver bem estabelecida. O processo de fabricação ainda não está desenvolvido o suficiente para garantir a escala.

HybritFábrica de aço sustentável da Hybrit, na Suécia (créditos: Hybrit/reprodução)

Como esse “aço verde” é produzido

Tradicionalmente, o aço é criado a partir da combinação do minério de ferro, carvão e cal. Trata-se de um processo complexo, mas que resulta em um metal que possui uma série de benefícios, como durabilidade, maleabilidade, resistência e condutividade térmica.

Esses mesmos benefícios foram preservados no aço produzido pela Hibrit a partir do hidrogênio, um projeto que vem sendo desenvolvido desde 2016. O processo exato para a criação da liga metálica não foi divulgado (por motivos de segurança corporativa), mas sabemos que as etapas não contam com a adição de carvão, cal ou qualquer outro material de origem fóssil.

HybritPeça de aço sustentável da Hybrit (créditos: Hybrit/reprodução)

De acordo com um comunicado divulgado no site da própria empresa, esse “aço verde” foi feito a partir da “redução de hidrogênio 100% sustentável”, que de alguma forma deve ter sido misturado com algum metal para a criação da liga. Os resultados dos testes da Hybrit foram promissores e mostraram que este é um material viável para o futuro.

A importância da criação

De acordo com a Agência Internacional de Energia (IEA), o setor de produção de ferro e aço é responsável por emitir 2,6 giga toneladas de dióxido de carbono na atmosfera anualmente. É por isso que a invenção foi muito comemorada na indústria, especialmente pelos envolvidos no projeto.

A criação desse aço sustentável é um pequeno passo na direção da criação de materiais que causam menos danos ao meio ambiente.

O objetivo da Hybrit e da estatal sueca ligada ao projeto é demonstrar ao mercado esse material e colocá-lo para produção em massa até o início de 2026. Nesse período, a empresa estima estar fabricando cerca de 5 milhões de toneladas de “aço verde” por ano, um número pequeno comparado à demanda pela liga metálica, mas um passo importante para um mundo mais sustentável.

Fontes