Covid-19: idosos vacinados têm menos chance de serem internados

1 min de leitura
Imagem de: Covid-19: idosos vacinados têm menos chance de serem internados
Imagem: Pexels/Reprodução
Avatar do autor

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) publicou um artigo informando que as vacinas reduzem em 94% as chances de adultos acima dos 65 anos serem hospitalizados por Covid-19.

A primeira análise usando dados reais no país confirma os resultados positivos vistos anteriormente em ensaios clínicos. Tal como, a descoberta reforça a recomendação da vacinação na população idosa.

Dois terços da população idosa dos EUA já foi vacinada.Dois terços da população idosa dos EUA já foi vacinada.Fonte:  Kevin Lamarque/Reuters 

Segundo o CDC, as vacinas da Pfizer-BioNTech e da Moderna se mostraram amplamente eficientes na proteção de idosos. Em especial, o primeiro imunizante ajudou a prevenir casos graves de internação no grupo vulnerável ao vírus.

Rochelle P. Walensky, diretora do órgão norte-americano, disse que essa é uma notícia encorajadora. Principalmente, para os dois terços da população acima dos 65 anos que foi totalmente imunizada nos Estados Unidos.

Para a representante, as descobertas também são promissoras para os hospitais em todo o país. À medida que os esforços da vacinação continuam a se expandir, isso significa a redução da sobrecarga do sistema de saúde com pacientes com Covid-19.

Expansão da vacina ajudará a desafogar o sistema de saúde norte-americano.Expansão da vacina ajudará a desafogar o sistema de saúde norte-americano.Fonte:  Pexels/Reprodução 

Dados da pesquisa

Para o estudo, o CDC analisou as internações em duas redes hospitalares dos EUA, cobrindo 24 hospitais em 14 estados. A eficácia da vacina foi avaliada comparando as chances de vacinação entre as pessoas internadas com teste positivo para o vírus.

A avaliação teve 417 participantes, sendo 187 pacientes vacinados e 230 pessoas do grupo controle. Do total de participantes, cerca da metade dos pacientes tinham mais de 75 anos.

Covid-19: idosos vacinados têm menos chance de serem internados