Fazer escolhas pode deixar você cansado, afirma estudo

1 min de leitura
Imagem de: Fazer escolhas pode deixar você cansado, afirma estudo
Avatar do autor

Se você tem algum tipo de dificuldade para tomar decisões, não se culpe. Longe de querer dizer que você foi feito para receber ordens, pode ser que a explicação para esse problema seja muito mais científica do que uma simples obra do acaso.

De acordo com o psicólogo Roy Baumeister, você pode sofrer a chamada “fadiga da decisão”, uma espécie de cansaço originado do excesso de escolhas feitas ao longo do dia. Em um estudo realizado pela Universidade Estadual da Flórida, Baumeister levantou a teoria de que todas as pessoas possuem uma espécie de “poço de energia” destinado a tomar toda e qualquer decisão.

Para ele, o excesso de coisas para se decidir faz com que o cérebro humano se desgaste mais do que deveria, dificultando as capacidades de escolha do indivíduo. Além disso, o psicólogo afirma que esse esgotamento faz com que o ser humano sempre procure a solução menos trabalhosa, mesmo que ela nem sempre seja a mais vantajosa ou a mais coerente. Segundo seu estudo, trata-se de um mecanismo de defesa do próprio organismo para economizar energia.

Porém, engana-se quem acredita que se trata apenas de grandes questões. Como dito anteriormente, todas as escolhas feitas ao longo do dia exigem um pouco desse “reservatório”, indo desde o dilema de sair ou não da cama até a venda de ações.

Como evitar?

Ficou preocupado? Então saiba que as formas de “recarregar a bateria” de seu cérebro podem ser mais simples do que parecem. Para evitar a fadiga da decisão, basta dormir e comer, pois você recupera boa parte da energia perdida.

Além disso, o próprio Baumeister afirma que uma ótima forma para não se cansar inutilmente é tomando poucas decisões. Em vez de sofrer com o dilema diário de que roupa usar para ir ao trabalho, seja mais decidido naquilo que você quer e seu cérebro vai demorar mais para pedir um descanso.

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Fazer escolhas pode deixar você cansado, afirma estudo